Estrita Observância Templária

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Parte de uma série de artigos sobre
Maçonaria
Maçom
Artigos principais

Maçonaria · Grande Loja · Loja Maçônica · Venerável Mestre · Graus maçônicos · Lojas Simbólicas · Loja de Perfeição

História

História da Maçonaria · Manuscritos Maçônicos · Constituição de Anderson ·CLIPSAS · SIMPA · União Maçónica Internacional CATENA · C.I.MA.S.

O Rito da Estrita Observância era um rito da Maçonaria, uma série de graus progressivos que lhe foram conferidos pela Ordem da Estrita Observância, uma entidade maçônica do século XVIII.

O Barão Karl Gotthelf von Hund (1722-1776) introduziu um novo Rito Escocês para a Alemanha, que ele renomeou "Maçonaria Retificada" e, após 1764, a "Estrita Observância", referindo-se ao sistema de inglês da Maçonaria como a "Observância Tardia".

O Rito apelou para o orgulho nacional alemão, atraiu os não-nobres, e foi supostamente dirigida pelos "Superiores Desconhecidos". A Estrita Observância era particularmente dedicada à reforma da Maçonaria, com especial referência para a eliminação das ciências ocultas que, na época era amplamente praticada em muitas lojas, e o estabelecimento de coesão e homogeneidade na Maçonaria por meio da imposição de uma disciplina rigorosa, a regulação das funções, etc.

Apesar de sua popularidade inicial, a insatisfação crescente entre os membros sobre a falha de serem iniciados nos mistérios dos Superiores Desconhecidos ("mestres ascencionados", que foram mais tarde afirmados serem clérigos dos Cavaleiros Templários), levou a Estrita Observância a ser dissolvida em 1782. 1

Referências

  1. Trevor W. McKeown, "The Rite of Strict Observance", Grand Lodge of British Columbia and Yukon A.F. & A. M, 2007. Retrieved on 2008-06-11.