Estroma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Estroma (do grego στρώμα, significa “rede ou malha sobre a qual se acomoda algo”) refere-se ao tecido conectivo, não funcional de sustentação de uma célula, tecido ou órgão. O estroma é distinto do parênquima, que se consiste dos elementos funcionais de um órgão. É o tecido de sustentação de um órgão, ou seja, que serve para sustentar as células funcionais (parênquima) deste órgão.

Chama-se estroma ao tecido de sustentação de um órgão, ou seja, que serve para sustentar as células funcionais do órgão . Com exceção do cérebro e da medula espinhal, o estroma é constiuído de tecido conjuntivo.(parenquimatosas).

O estroma também pode ser considerado a parte gel do organelo "cloroplasto", onde ocorre a fase química da fotossíntese.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.