Estrutura da Igreja Adventista do Sétimo Dia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A forma de administração da IASD é democrática, misturando elementos episcopais (ou hierárquicos) e presbiterianos. Todos os representantes oficiais são eleitos a partir dos níveis mais básicos da igreja em nível sucessivo e nenhum cargo é permanente, embora possa haver reeleição.

Organização[editar | editar código-fonte]

A comunidade local da igreja é o nível fundamental da estrutura organizacional e constitui na face pública da igreja. Todo adventista batizado é membro de uma igreja local e tem poder de voto naquela comunidade. Um número de cargos existem na igreja local, e são exercidos em geral (com exceção do pastor local) de forma voluntária. Os cargos que necessitam de ordenação (consagração através da imposição das mãos) incluem o pastor, ancião (equivalente ao presbítero), e diácono. Existem também cargos como o de tesoureiro e secretário da igreja, além de outros departamentos associados (chamados de ministérios) atendendo a necessidades distintas da igreja: Diaconisas, Jovens, Música, Escola Sabatina, Mulheres, Crianças e Adolescentes, ADRA local, Desbravadores, Comunicação, etc. Todos estes cargos, exceto o de pastor, são apontados por voto de uma Comissão de Nomeação, eleita plenariamente pela igreja ou através da Comissão Administrativa da Igreja, que também tem sua composição a partir da membresia local.

Logo acima da igreja local, na estrutura administrativa, está a Associação, Missão ou Campo local. A Associação é uma organização de igrejas em um estado, ou parte dele, que administra e é proprietária dos bens e imóveis da igreja naquela região, além de organizar a arrecadação de dízimos e ofertas tanto para o pagamento dos pastores e demais funcionários do campo, como também para enviar parte destes recursos para ajudar no custeio de projetos de evangelização. A Associação também é responsável por nomear e ordenar os pastores. Sua eleição se dá por assembléia de representantes nomeados nas igrejas de sua jurisdição.

Acima da Associação ou Missão está a União, que congrega várias Associações de uma área geográfica. O conjunto das diversas Uniões é chamado de Divisão.

O nível mais alto de administração da estrutura eclesiástica na IASD é a Associação Geral dos Adventistas do Sétimo Dia, que consiste de 13 divisões. A Associação Geral é a autoridade final da igreja no delineamento de prioridades e metas, administração de projetos missionários e de instituições. A mesma é chefiada por um presidente e por 7 vices-presidentes. Atualmente o presidente é o pastor Ted Wilson, filho de um ex-presidente Pr. Neal Wilson. Cargos mais elevados não implicam preeminência teológica ou espiritual, e os mesmos encargos teológicos pertencem a qualquer pastor em qualquer lugar do mundo. A Associação Geral tem seu escritório em Silver Springs, Maryland, EUA.

Cada organização, deste modo, é governada por uma reunião de Conferência Geral, que ocorre em intervalos pré-estabelecidos. São nelas que decisões gerais, incluindo a escolha de cargos são feitas. O presidente da Associação Geral é eleito a cada 5 anos. Delegados dessa Conferência geral são eleitos por organizações dos níveis mais básicos.

Divisões[editar | editar código-fonte]

A Igreja tem 13 Divisões espalhadas pelo mundo.[1]

  1. Divisão Sul-Americana
  2. Divisão Interamericana
  3. Divisão Norte-Americana
  4. Divisão Transeuropéia
  5. Divisão África Meridional Oceano Índico
  6. Divisão Euro-Africana
  7. Divisão Euro-Asiática
  8. Divisão Centro-Leste Africana
  9. Divisão Centro-Oeste Africana
  10. Divisão Pacífico Norte Asiático
  11. Divisão Pacífico Sul Asiática
  12. Divisão Sul do Pacífico
  13. Divisão Sul Asiática

Referências