Eurogrupo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem.

O Eurogrupo é a instituição que na União Europeia congrega pelo menos uma vez por mês os ministros da Economia e Finanças dos Estados-Membros da Eurozona (cuja moeda oficial é o euro), o Presidente do Banco Central Europeu, o Comissário Europeu de Assuntos Económicos e Monetários, e o seu Presidente, eleito por maioria dos estados para um mandato de dois anos e meio.

O Eurogrupo tem como funções examinar en comum os assuntos que afectam especificamente a Eurozona, proceder à sua discussão e adoptar as medidas necessárias com vista à execução das conclusões aprovadas. É o órgão onde se centra a coordenação e supervisão das políticas e estratégias económicas comuns relativas à Eurozona. O seu papel como órgão de governação económica europeia aumentou recentemente a sua relevância, em especial após a crise financeira de 2010 na Grécia.

Atualmente o seu presidente é o Ministro das Finanças da Zona Euro Jeroen Dijsselbloem. Quando o Eurogrupo se reúne a nível de Chefes de Estado e de Governo é presidido pelo Presidente do Conselho Europeu, actualmente o democrata-cristão belga Herman Van Rompuy.

O Eurogrupo é assessorado pela Secretaria-Geral do Conselho da União Europeia.

Veja também[editar | editar código-fonte]