Félix Fénéon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Félix Fénéon (Turim, Itália 1861 - Chatenay-Malabry, França 1944) foi um anarquista e crítico de arte. Ele criou o termo do "Neoimpressionismo" em 1886 para identificar a um grupo de artistas encabeçados por Georges Seurat, ao que tanto apoiou.[1]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um anarquista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.