Fê Lemos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Fê Lemos
Informação geral
Nome completo Antônio Felipe Villar de Lemos
Também conhecido(a) como Fê Lemos
Nascimento 18 de Junho de 1962 (52 anos)
Local de nascimento Rio de Janeiro, RJ
 Brasil
Gênero(s) Rock alternativo, pós-punk, pop rock, rock brasileiro, punk rock
Ocupação(ões) Bateria
Instrumento(s) Bateria
Período em atividade 1978-presente
Gravadora(s) PolyGram, BMG, Abril Music, Sony BMG Music Entertainment, Sony Music
Afiliação(ões) Aborto Elétrico, Capital Inicial, Renato Russo, André Pretorius, Flávio Lemos
Influência(s) Sex Pistols, The Cure, Ramones

Antônio Felipe Villar de Lemos, mais conhecido pela alcunha Fê Lemos (Rio de Janeiro, 18 de junho de 1962), é o baterista da banda Capital Inicial.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Com cinco anos de idade mudou-se para Brasília, indo residir na Colina (UnB). Aos dez anos começou a estudar bateria para impressionar uma garota, irmã de um baterista. Acabou conquistando a menina, em consequência disso, conseguiu dicas com seu irmão sobre o uso do instrumento. Logo formou sua primeira banda (a Colina's Band). Em 1977 morou com a família durante um ano na Inglaterra, seu pai foi fazer pós-graduação em Biblioteconomia em Leicester, na Universidade de Loughborough, a 200 km de Londres. Lá ele, junto com seu irmão Flávio Lemos e sua irmã Helena, descobriu o punk rock.

Na volta, em 1978, conhece Renato Russo (à época Renato Manfredini Jr.) e juntos com André Pretorius formam o Aborto Elétrico, uma das primeiras bandas punk de Brasília. A primeira apresentação do Aborto Elétrico foi no dia 11 de Janeiro de 1980, no bar Só Cana do Centro Comercial Gilberto Salomão, reduto da juventude dourada e entediada de Brasília. No mesmo ano passa no vestibular para Psicologia na UnB, e começa a vender camisetas impressas em silk-screen na feira hippie da cidade (esta seria sua maior fonte de renda até 1983, quando um acidente de moto interrompe o seu negócio e o força a trancar o semestre na faculdade). O Aborto Elétrico dura até o final de 1982, quando se separa e dá origem à Legião Urbana e ao Capital Inicial (o Aborto Elétrico acabou em função das constantes brigas de Fê Lemos e Renato Russo, quando Fê Lemos atira uma baqueta na cabeça de Russo).

Em 1984 o Capital Inicial passa a se apresentar freqüentemente no eixo Rio-São Paulo, comprometendo os seus estudos, e ele decide trancar novamente a faculdade, que acaba sendo definitivo. Neste mesmo ano assina o seu primeiro contrato profissional, com a gravadora CBS (atual Sony Music). Em 1985 casa-se com Maria Inez Laurent, e muda-se para São Paulo. Em 1990 nasce sua filha Diana.

Atualmente[editar | editar código-fonte]

Divorciado desde 1998, passa grande parte do seu tempo livre em Porto Alegre, onde está montando um apartamento, e em Brasília, onde construiu um home-studio para se dedicar a compor música eletrônica. Seu envolvimento com a música eletrônica o fez lançar em 2005 seu primeiro álbum solo, Hotel Básico. Fê Lemos atualmente mora em São Paulo, junto com sua namorada Isabel Murray, com a qual tem um filho chamado Tomaz.

Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.