Fabula Nova Crystallis Final Fantasy XIII

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Fabula Nova Crystallis Final Fantasy XIII (ファブラ ノヴァ クリスタリス ファイナルファンタジーXIII, Fabura Nova Kurisutarisu Fainaru Fantajī Sātīn?) é o nome da compilação de jogos que revolvem em torno do universo de Final Fantasy XIII da Square Enix. Este projecto é similar e construído com o mesmo espirito que outras duas compilações da série Final Fantasy: Compilation of Final Fantasy VII e Ivalice Alliance.

Fabula Nova Crystallis (A Nova História do Cristal em latim) tem como cenários vários mundos e personagens diferentes, mas cada jogo terá sempre por base o mesmo mito e a expansão desse mesmo mito. De acordo com a Square Enix, a acção dos jogos desta compilação será no mesmo universo, mas nenhum jogo estará directamente relacionado com outro.[1]

Enredo e espaço[editar | editar código-fonte]

A compilação tem como elemento comum cristais que "guiam o mundo para o futuro". Aparecendo como objectos normais do quotidiano, os Cristais são uma parte integral de cada jogo, mas não são o âmago da história. Os cristais terão como principal função criar um pano de fundo comum para outros enredos mais espeficos.[2]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Os jogos actualmente em desenvolvimento dentro do projecto Fabula Nova Crystallis são:

A produção de cada título está ao encargo de três equipas diferentes da Square Enix. Isto reflecte o desejo de produzir cada título distinto, mas, ao mesmo tempo, partilhar um mito comum. Os títulos também são diferentes em termos de jogabilidade: o Final Fantasy XIII é um RPG; o Final Fantasy Versus XIII é um RPG-Acção, tal como Kingdom Hearts; e Final Fantasy Agito XIII será um jogo online. O design das personagens para os três jogos oficialmente divulgados são de Tetsuya Nomura, que também é o director do Final Fantasy Versus XIII.

O Presidente da Square Enix, Yōichi Wada, comparou a compilação Fabula Nova Crystallis como sendo do mesmo género que Star Wars e declarou que poderia prolongar-se durante uma decada.[6] Toriyama também declarou para a Playstation magazine Australia que Fabula Nova Crystallisnão se cingirá à PlayStation 3, XbOx 360 e a telemóveis.[7]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Erik Brudvig (2006). E3 2006: Final Fantasy XIII Showcased IGN. Visitado em 2 Abril 2009.
  2. Anoop Gantayat (2006). Famitsu with More on Fabula Nova. Visitado em 2 Abril 2009.
  3. Final Fantasy XIII (PS3). Visitado em 2009-04-02.
  4. IGN: Final Fantasy Versus XIII. Visitado em 2009-04-02.
  5. IGN: Final Fantasy Agito XIII. Visitado em 2009-04-02.
  6. Craig Hansen (21 de Outubro de 2006). Final Fantasy: A Retrospective (em inglês). Visitado em 2009-04-02.
  7. Jeriaska (2007-04-16). Toriyama: Fabula Nova Crystallis cannot be stopped SquareHaven.com. Visitado em 2009-04-02.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]