Faisão-eperonier

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaFaisão-eperonier
PeacockPheasantGould.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Galliformes
Família: Phasianidae
Género: Polyplectron
Espécie: P. bicalcaratum
Nome binomial
Polyplectron bicalcaratum
Linnaeus, 1758
Subespécies
Ver texto
Sinónimos
Pavo bicalcaratus Linnaeus, 1758

Polyplectron chinquis

Polyplectron bicalcaratum

O Faisão Esporeiro de Chinquis (português europeu) ou faisão-eperonier (português brasileiro) (Polyplectron bicalcaratum) é o pássaro nacional de Myanmar, outrora conhecida como Birmânia. O eperonier e suas cinco subespécies podem ser encontrados nas florestas tropicais em todo Sudeste Asiático.

O faisão-eperonier tem sido amplamente criado como ave exótica em cativeiro e é possível encontrar exemplares espalhados por todo o mundo, dada sua fácil adaptação em praticamente todos os países de clima tropical e sua beleza exótica.

Criação Ornamental[editar | editar código-fonte]

Para a criação bem sucedida dessa espécie de faisão, é necessário um viveiro relativamente pequeno, se comparado às determinações necessárias para a criação da maioria das outras espécies. O tamanho mínimo para a implantação de um viveiro para o eperonier é de 2 m x 4 m x 2 m de altura, metade coberto para a proteção contra intempéries e com piso de areia.

Sua postura varia entre oito a doze ovos, que eclodem em média em 21 dias.

Subespécies[editar | editar código-fonte]

  • P. b. bicalcaratum
  • P. b. katsumatae
  • P. b. ghigii
  • P. b. bailyi
  • P. b. bakeri

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.