Falero

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Falero (em grego antigo: Φάληρον, Phálēron; em grego moderno: Φάληρο, Fáliro; latim: Phaleron ou Phalerum) é um porto de Atenas[1] . Até a época em que Temístocles foi arconte de Atenas, este era o único porto da cidade-estado[1] .

Deste porto partiu Teseu para Creta[1] e a frota grega que atacou Troia[1] .

Temístocles mudou o principal porto de Atenas para o Pireu[1] .

Na época do geógrafo Pausânias havia vários templos em Falero: para Ártemis, Deméter, Atena Scira e Zeus, além de altares para o deus desconhecido, heróis, os filhos de Teseu e Falero (arqueiro) e Androgeu, filho de Minos[2] .

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Grécia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.