Falo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nota: Este artigo trata da simbologia da imagem do pênis ereto. Para o artigo sobre o membro em si, consulte pênis.
Baixo-relevo representando o deus dos antigos egípcios chamado Min, com o falo ereto visível

Os termos falo e fálus (do grego phallós, através do latim phallus), usualmente, remetem à simbologia dada às representações da imagem de um pênis ereto. O falo era adorado pelos povos antigos como um símbolo da fecundidade da natureza. É, ainda, um tema recorrente na psicanálise como signo do poder. O falo, também, pode se referir, simplesmente, ao órgão sexual em si.[1] [2] [3] [4]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Falo

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 754.
  2. [1]
  3. [2]
  4. [3]
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.