Falso profeta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Calvário de Plougonven, na França: o falso profeta seria influenciado por dons demoníacos

Falso profeta, também chamado de pseudoprofeta,[1] [2] é a rotulação dada a uma pessoa que ilegitimamente se proclama detentora de dons do Espírito Santo. Tal rotulação pode tanto decorrer de um falso dom carismático, como do uso do mesmo para fins demagógicos ou demoníacos.[3]

O mais famoso dos falsos profetas do Novo Testamento é o "Falso Profeta" do livro de Apocalipse, cujo nome é repetido por três vezes. Este Falso Profeta seria um aliado do Anticristo e da Besta. A figura do Falso Profeta é um dos maiores mistérios da escatologia.

Cquote1.svg E o Diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde estão a Besta e o Falso Profeta; e de dia e de noite serão atormentados pelos séculos dos séculos Cquote2.svg
Apocalipse 20:10
Cquote1.svg E a Besta foi presa, e com ela o Falso Profeta que fizera diante dela os sinais com que enganou os que receberam o sinal da Besta e os que adoraram a sua imagem. Estes dois foram lançados vivos no lago de fogo que arde com enxofre Cquote2.svg
Apocalipse 19:21

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.