Fawlty Towers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fawlty Towers
Informação geral
Formato Série
Género Comédia
Duração 28 - 36 min
Criador(es) John Cleese
Connie Booth
País de origem  Reino Unido
Idioma original inglês
Produção
Diretor(es) John Howard Davies
Bob Spiers
Elenco John Cleese
Prunella Scales
Andrew Sachs
Connie Booth
Brian Hall
Ballard Berkeley
Gilly Flower
Renee Roberts
Exibição
Emissora de
televisão original
BBC Two
Transmissão original 19 de setembro de 197525 de outubro de 1979
N.º de temporadas 2
N.º de episódios 12
O protagonista da série, John Cleese.

Fawlty Towers foi uma série de televisão britânica feita pela BBC e emitida pela primeira vez em 1975 pela BBC Two. Foram produzidos apenas doze episódios, mas a série foi um marco da comédia dos anos setenta e influenciou várias outras produções posteriores. A primeira temporada foi produzida e dirigida por John Howard Davies e a segunda, de 1979, foi produzida por Douglas Argent e dirigida por Bob Spiers.

O enredo desenrola-se num hotel fictício chamado "Fawlty Towers" no litoral inglês. A série foi escrita por John Cleese e Connie Booth, ambos também intérpretes.

A lista de "Cem melhores programas da televisão britânica" elaborada pelo "Instituto de Cinema Britânico" em 2000 traz Fawlty Towers em primeiro lugar.[1] . A série também foi votada como a quinta melhor na enquete Britain's Best Sitcom, promovida pela BBC em 2004.[2]

Enredo[editar | editar código-fonte]

A ação desenrola-se num hotel ficcional chamado Fawlty Towers, situado em Torquay, na regiãodo Devon, centrando-se no seu infame proprietário Basil Fawlty (John Cleese), a sua dominadora mulher Sybil (Prunella Scales), o cozinheiro espanhol Manuel (Andrew Sachs) e a empregada Polly (Connie Booth). O irascível Basil passa a vida a insultar os clientes, assim como a sua mulher e empregados, gerando gargalhadas constantes pelo seu mau humor e modos pouco simpáticos. O registo dos episódios é predominantemente o da farsa, envolvendo quase sempre coincidências, mal-entendidos, desencontros e acidentes. Os clientes do hotel são um veículo para o incontido temperamento de Basil, que reage de forma intempestiva aos seus pedidos, sejam eles razoáveis ou não. Existe ainda muito humor negro e situações no limite do nonsense. �Para além das personagens referidas, destacam-se ainda o Major Gowen (Ballard Berkeley), um senil major na reserva que vagueia pelo hotel, o demente chefe de cozinha Terry (Brian Hall), e as velhotas e um pouco surdas Miss Tibbs (Gilly Flower) e Miss Gatsby (Renee Roberts).

Principais personagens[editar | editar código-fonte]

Basil Fawlty

John Cleese interpreta o proprietário do hotel, de personalidade esnobe, mesquinha, xenófoba e paranóica, sempre em busca de transparecer pertencer à classe alta

Sybil Fawlty

Interpretada por Prunella Scales é a esposa de Basil e a verdadeira gerente do hotel.

Polly Sherman

Interpretada por Connie Booth é a recepcionista, mas sempre envolvida com outras funções do hotel.

Manuel

Interpretado por Andrew Sachs, Manuel é um garçom desorganizado nascido em Barcelona que não fala inglês fluentemente. É constantemente humilhado verbal e fisicamente pelo seu chefe.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Três BAFTAs foram concedidos para a série. Ambas temporadas venceram na categoria "Best Situation Comedy", dado ao diretor e produtor de cada uma delas. John Cleese ainda ganhou um prêmio individual na categoria "Best Light Entertainment Performance" por sua atuação como Basil Fawlty na segunda temporada.[3]

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]