Feloidea

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde fevereiro de 2011).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
Reino:     Animalia
Filo:   Chordata
Classe: Mammalia
Ordem:  Carnivora
Subordem:       Feliformia
Superfamília:   Feloidea
Família:        Felidae

Subfamília Neofelis nebulosa (Griffith, 1821) - Pantera-nebulosa Neofelis diardi Cuvier, 1823 - Pantera-nebulosa-de-bornéu Panthera tigris (Linnaeus, 1758) - Tigre Panthera leo (Linnaeus, 1758) - Leão Panthera leo X ligris (???, 1824) - Ligre Panthera pardus (Linnaeus, 1758) - Leopardo Panthera onca (Linnaeus, 1758) - Onça-pintada Uncia schaubi [=Panthera schaubi] - fóssil Uncia uncia (Schreber, 1775) - Leopardo-das-neves


Evolução

Os felinos evoluiram no Eocénico a partir do grupo Viverravidae, que também deu origem às civetas, hienas e aos extintos nimravídeos. O primeiro verdadeiro felino foi o Proailurus que viveu na Europa há cerca de 30 milhões de anos. Este animal tinha corpo longo, patas curtas e um dente molar adicional em cada mandíbula, por comparação aos felinos modernos. Já no Miocénico, o Proailurus deu origem ao gênero Pseudaelurus que se diversificou em dois grupos: a sub-família Machairodontinae, que inclui os chamados tigres-dente-de-sabre e Schizailurus, o ancestral da família Felidae, que surgiu há mais de 18 milhões de anos. O primeiro grupo moderno de felinos a surgir foi a sub-família Acinonychinae, que inclui as chitas modernas (género Acionyx) e a chita norte-americana (género Miracionyx) actualmente extinta. A sub-família Felinae, que agrupa os gatos domésticos, surgiu há cerca de 12 milhões de anos. Os linces surgiram na América do Norte há cerca de 6,7 milhões de anos e daí expandiram-se para a Europa e Ásia. A primeira espécie reconhecida do género Lynx na Europa é o L. issiodorensis que viveu há 4 milhões de anos e que era maior que os linces actuais, mas com patas relativamente mais curtas.