Fenômeno de Raynaud

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mãos com o fenômeno de Raynaud

Fenômeno de Raynaud é uma desordem de vasoconstrição que causa descoloração dos dedos das mãos e pés e ocasionalmente outras extremidades. É nomeada em homenagem ao médico francês Maurice Raynaud (1834 - 1881). A causa do fenômeno é desconhecida, mas sabe-se que o estresse e o frio são desencadeadores. Sabe-se que durante o tempo a descoloração segue um padrão: branco, azul e vermelho. Existe, entretanto, que é importante distinguir, a doença de Raynaud, na qual o fenômeno é idiopático (causa desconhecida); e a síndrome de Raynaud, na qual o fenômeno é secundário a algo tal como ocorre na esclerodermia dos rins. Segundo o cirurgião vascular do Hospital das Clínicas de São Paulo Celso Ricardo Bregalda Neves, a síndrome de Raynaud atinge até 3% da população mundial. Deste total, 80% são mulheres. Relata que a maioria dos casos ocorre na faixa etária entre 15 e 25 anos, para a doença, e acima dos 35 anos para o fenômeno.[1]


Ver também[editar | editar código-fonte]

Doença de Raynaud

Referência[editar | editar código-fonte]

  1. http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2007/07/09/hipersensibilidade_ao_frio_915126.html

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Artigos
Outros idiomas


Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.