Ferrari F399

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ferrari F399
Eddie Irvine 1999 Canada.jpg
Visão Geral
Produção 1999
Fabricante Scuderia Ferrari
Modelo
Carroceria Monoposto de corrida
Designer John Barnard
Rory Byrne
Ficha técnica
Motor Ferrari 048/B/C 3.0L V10
Transmissão Ferrari semi-auto L 7 velocidades
Dimensões
Peso 600 kg
Cronologia
Último
Último
Ferrari F300
Ferrari F2000
Próximo
Próximo


Ferrari F399 exposta em museu.

O F399 é o modelo da Ferrari da temporada de 1999 da F1. Foi guiado por Michael Schumacher, Mika Salo e Eddie Irvine.

Atravessando um jejum de 20 anos sem títulos de pilotos e 16 sem títulos de construtores, a Ferrari reuniu esforços e construiu um de seus melhores carros. Aparentemente tão bom quanto o adversário McLaren MP4/14. Todavia, Schumacher, que ganhou duas corridas com o carro, acidentou-se e quebrou a perna em Silverstone. Foi substituído por Salo e, a partir de então, Eddie Irvine passou a disputar o título, vencendo quatro corridas. Levou a disputa até o último Grande Prêmio, mas perdeu para Häkkinen, da McLaren, por apenas 2 pontos.[1]

Ainda assim, o F399 deu à Ferrari o primeiro mundial de construtores desde 1983.[2]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. História de Häkkinen. www.formula1.
  2. Resultados na temporada. www.f1-facts.com.
Ícone de esboço Este artigo sobre Fórmula 1 é um esboço relacionado ao projeto sobre Fórmula 1. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.