Field spaniel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Field spaniel
País de origem  Reino Unido
Características
Classificação e padrões
Federação Cinológica Internacional
Grupo 8
Seção 2 - Cães Levantadores e Cobradores de Caça e Cães de Água - levantadores de caça
Estalão #123 - 29 de outubro de 2003

A field spaniel[Nota] é uma raça descendente do spaniel inglês, criada através de cruzamentos para exposições, o que gerou animais de pernas mais curtas e dorso longo. Estas mudanças físicas retiraram do animal suas habilidades para o trabalho, o que quase levou à extinção da raça no fim da Segunda Guerra Mundial. Na década de 1960, novos cruzamentos, agora entre cockers ingleses e springer spaniels, garantiram o aumento de sua população. Fisicamente, é um cão que pode atingir os 23 kg, tem a pelagem sedosa, de aspecto brilhante e que varia entre três cores, além das malhadas em branco. Em relação ao adestramento, é visto como um animal de fácil aprendizado.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Fogle (2009), pág 149

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre cães, integrado ao Projeto Cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.