Filoviridae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.


Como ler uma caixa taxonómicaFiloviridae
Partículas virais de membros do gênero Marburgvirus.

Partículas virais de membros do gênero Marburgvirus.
Classificação científica
Grupo: Grupo V ((-)ssRNA)
Família: Filoviridae
Gêneros
Marburgvirus

Ebolavirus

Os filovírus, membros da família Filoviridae, fazem parte de um grupo de vírus particularmente mortal para o organismo humano. O primeiro filovírus de que se tem história é o Marburg que foi descoberto na cidade de mesmo nome na Alemanha em macacos que vieram da África para estudos em 1967. O segundo vírus descoberto dessa família, e também o mais famoso, foi o Ebola que foi isolado pela primeira vez em 1976 a partir de uma epidemia de febre hemorrágica que ocorreu próximo ao rio Ebola.

A epidemia mais famosa descreve um verdadeiro terror na cidade de Kikwit, em 1995. Esse episódio ganhou muita notoriedade da imprensa internacional, fato esse que disseminou a fama do vírus Ebola pelo mundo todo.

Houve ainda algumas pequenas epidemias em alguns países da África com registros do vírus Ebola e Marburg e suas mortalidades sempre estiveram na faixa de 50% a 90%.

Hoje, falam-se que existem 4 Filovírus: o Marburg e três Ebolas (Zaire, Sudão e Reston).

Apesar das suspeitas em relação a algumas espécies de primatas, até hoje, não se sabe quem ou qual é o hospedeiro dos vírus e ao que se deve o aparecimento das epidemias, que desaparecem pouco depois como se tivessem evaporado. Sabe-se que os vírus são transmitidos por fluidos orgânicos infectados, como o sangue, a saliva, a urina, o esperma, as secreções nasais. A incubação tem período entre 3 a 9 dias e seu óbito vem na maioria das vezes por febre hemorrágica, com destruição dos tecidos e falência dos órgãos.


Ícone de esboço Este artigo sobre vírus é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.