Final do UEFA Euro 2012

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Final da Eurocopa de 2012
Estádio Olímpico de Kiev, palco da final
Evento Eurocopa de 2012
Data 1 de julho de 2012
Local Estádio Olímpico de Kiev, Kiev
Melhor em campo Espanha Andrés Iniesta
Árbitro Portugal Pedro Proença
Público 63 170
Tempo Noite, 26 °C

A final do Campeonato Europeu de Futebol de 2012 foi um jogo de futebol disputado em 1 de julho de 2012 no Estádio Olímpico de Kiev, Ucrânia.[1] A atual campeã Espanha (que venceu a Alemanha por 1-0, em 2008), defendeu com sucesso seu título com uma vitória convincente de 4-0 sobre a Itália, tornando-se a primeira equipe a vencer dois Campeonatos Europeus consecutivos, e a primeira equipe a vencer por três vezes consecutivas os principais campeonatos - UEFA Euro 2008 e Copa do Mundo de 2010.[2] [3] [4]

Caminho até à Final[editar | editar código-fonte]

Espanha Ronda Itália
Adversário Resultado Fase de Grupos Adversário Resultado
Flag of Italy.svg Itália 1–1 1º Jogo Flag of Spain.svg Espanha 1–1
Flag of Ireland.svg Irlanda 4–0 2º Jogo

 Croácia

1–1
Bandeira da Croácia Croácia 1–0 3º Jogo Flag of Ireland.svg Irlanda 2–0
Equipe Pts J V E D GM GS +/-
Flag of Spain.svg Espanha 7 3 2 1 0 6 1 +5
Flag of Italy.svg Itália 5 3 1 2 0 4 2 +2
Bandeira da Croácia Croácia 4 3 1 1 1 4 3 1
Flag of Ireland.svg Irlanda 0 3 0 0 3 1 9 –8
Classificação do Grupo
Equipe Pts J V E D GM GS +/-
Flag of Spain.svg Espanha 7 3 2 1 0 6 1 +5
Flag of Italy.svg Itália 5 3 1 2 0 4 2 +2
Bandeira da Croácia Croácia 4 3 1 1 1 4 3 1
Flag of Ireland.svg Irlanda 0 3 0 0 3 1 9 –8
Adversário Resultado Fase Final Adversário Resultado
Bandeira da França França 2–0 Quartos-de-Final Flag of England.svg Inglaterra 0–0 (pro.) (4–2 pen.)
Flag of Portugal.svg Portugal 0–0 (pro.) (4–2 pen.) Semi-finals Bandeira da Alemanha Alemanha 2–1

Jogo[editar | editar código-fonte]

Resumo[editar | editar código-fonte]

No jogo final no Estádio Olímpico de Kiev, na Ucrânia, a Espanha venceu o torneio com um placar de 4-0 sobre a Itália.[5] A Espanha rapidamente assumiu o controle do jogo durante o primeiro tempo, com gols de David Silva aos 14 minutos, e de Jordi Alba aos 41 minutos.[5] No segundo tempo, a Itália utilizou a última das três substituições a que tinha direito, mandando a campo Antonio Di Natale e Thiago Motta. Motta lesionou o tendão da perna pouco depois de entrar em campo e teve que deixar a partida, obrigando a Itália a jogar com dez jogadores durante o restante da partida.[5] A Espanha foi capaz de aumentar sua vantagem para 4-0 durante o segundo tempo do jogo, com gols de Fernando Torres aos 38 minutos, e de Juan Mata aos 42 minutos, garantindo à Espanha o segundo título consecutivo da UEFA Euro e seu terceito título consecutivo nos principais torneios mundiais (UEFA Euro 2008 e Copa do Mundo de 2010).[5] [6] Gerard Piqué (Espanha) e Andrea Barzagli (Itália) receberam cartão amarelo durante o jogo final.[5]

Detalhes[editar | editar código-fonte]

1 de julho de 2012 Espanha Espanha 4–0 Itália Itália Estádio Olímpico, Kiev
18:45 UTC
D. Silva Gol marcado aos 14 minutos de jogo 14'
J. Alba Gol marcado aos 41 minutos de jogo 41'
F. Torres Gol marcado aos 84 minutos de jogo 84'
J. Mata Gol marcado aos 88 minutos de jogo 88'
Súmula Público: 63 170[7]
Árbitro: PortugalPOR Pedro Proença
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Espanha [8]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Itália [8]
Flag of Spain.svg
ESPANHA:
GK 1 Iker Casillas (c)
RB 17 Álvaro Arbeloa
CB 3 Gerard Piqué Penalizado com cartão amarelo após 25 minutos 25'
CB 15 Sergio Ramos
LB 18 Jordi Alba
CM 8 Xavi
CM 16 Sergio Busquets
CM 14 Xabi Alonso
AM 10 Cesc Fàbregas Substituído após 75 minutos de jogo 75'
RF 21 David Silva Substituído após 59 minutos de jogo 59'
LF 6 Andrés Iniesta Substituído após 87 minutos de jogo 87'
Substituições:
FW 7 Pedro Entrou em campo após 59 minutos 59'
FW 9 Fernando Torres Entrou em campo após 75 minutos 75'
MF 13 Juan Mata Entrou em campo após 87 minutos 87'
Técnico:
Vicente del Bosque
ESP-ITA 2012-07-01.svg
Flag of Italy.svg
ITÁLIA:
GK 1 Gianluigi Buffon (c)
RB 7 Ignazio Abate
CB 15 Andrea Barzagli Penalizado com cartão amarelo após 45 minutos 45'
CB 19 Leonardo Bonucci
LB 3 Giorgio Chiellini Substituído após 21 minutos de jogo 21'
DM 21 Andrea Pirlo
RW 8 Claudio Marchisio
AM 18 Riccardo Montolivo Substituído após 57 minutos de jogo 57'
LW 16 Daniele De Rossi
CF 9 Mario Balotelli
CF 10 Antonio Cassano Substituído após 46 minutos de jogo 46'
Substituições:
DF 6 Federico Balzaretti Entrou em campo após 21 minutos 21'
FW 11 Antonio Di Natale Entrou em campo após 46 minutos 46'
MF 5 Thiago Motta Entrou em campo após 57 minutos 57'
Técnico:
Cesare Prandelli

Homem do Jogo:
Andrés Iniesta (Espanha)[7]

Árbitros assistentes:
Portugal Bertino Miranda (Portugal)
Portugal Ricardo Santos (Portugal)
Quarto árbrito:
Turquia Cüneyt Çakır (Turquia)
Árbitros assistentes adicionais:
Portugal Jorge Sousa (Portugal)
Portugal Duarte Gomes (Portugal)

Estatísticas Espanha Espanha Itália Itália
Chutes 14 12
Chutes a gol 6 4
Faltas 17 14
Escanteios 3 4
Pênaltis 0 0
Impedimentos 3 3
Posse de bola 56% 44%[9]

Após o jogo[editar | editar código-fonte]

O Troféu Henry Delaunay foi entregue ao capitão da Espanha, Iker Casillas, pelo presidente da UEFA Michel Platini. À medida em que o troféu era levantado, a música Heart of Courage by American foi executada nos alto-falantes do estádio.

Referências

  1. Fixture plan brings EURO dream closer (em inglês) UEFA (4 de outubro de 2010). Visitado em 1 de julho de 2012.
  2. Germany 0-1 Spain (em inglês) BBC Sport (29 de junho de 2008). Visitado em 1 de julho de 2012.
  3. Paul Logothetis, para a AP (27 de junho de 2012). Euro 2012: Spain won’t change game plan for Portugal’s Cristiano Ronaldo (em inglês) National Post. Visitado em 1 de julho de 2012.
  4. Mike Collett, para a Reuters (28 de junho de 2012). No disgrace in defeat as rejuvenated Portugal depart (em inglês) Chicago Tribune. Visitado em 1 de julho de 2012.
  5. a b c d e Spain claim historic win (em inglês) ESPN. Visitado em 1 de julho de 2012.
  6. Marcos Felipe; Rafael Maranhão, Victor Canedo (1 de julho de 2012). À la Barça, Espanha arrasa Itália, leva o tri e mostra quem manda na Europa (em português) Globoesporte.com. Visitado em 1 de julho de 2012.
  7. a b Full-time report Spain-Italy UEFA (1 de julho de 2012).
  8. a b UEFA (1 de julho de 2012). Tactical lineups (PDF) (em inglês). Visitado em 1 de julho de 2012.
  9. http://espndeportes.espn.go.com/futbol/ficha?id=346764 ESPN en español. Visitado em 1 de julho de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]