Finn Ronne

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Finn Ronne.png

Finn Ronne (em norueguês Finn Rønne) (20 dezembro 1899, Horten, Noruega – 12 janeiro 1980, Bethesda, Maryland) foi um explorador norte-americano (de origem norueguesa) da Antártica. Seu pai, Martin Rønne, foi também explorador, tendo feito parte das expedições de Roald Amundsen ao Polo Sul.

Concluiu seus estudos engenharia na Noruega e emigrou para os Estados Unidos em 1923, onde obteve a nacionalidade americana em 1929. Trabalhou alguns anos na Westinghouse, tomou parte em duas expedições de Richard Byrd ao polo sul e foi segundo de Byrd, ajudando o mesmo a descobrir mais de 1500 km de novas costas do continente.

Depois de servir durante vários anos na US Navy (Marinha americana), tendo chegado ao posto de Capitão, Ronne voltou à Antártica nos anos 40 com apoio da merican Geographical Society. A expedição de 1946 a 1948 cartografou e explorou as costa do Mar de Weddell estabelecendo diversos recordes polares. Ronne cobriu 5.800 km em esqui e em trenós puxados por cães, Edith Ronne, sua esposa, o acompanhou nessa expedição, servindo, nas suas próprias palavras como uma "historiadora e correspondente da North American Newspaper Alliance". Ela a esposa do piloto-chefe, Jennie Darlington, foram as primeiras mulheres a hibernar no continente austral.

Nos anos 50, a marinha americana organizou a Operação "Deep Freeze" para completar a cartografia da Antártica e estabelecer bases para as pesquisas científicas. Ronne se tornou o chefe científico e militar da base americana no Mar de Weddel. Durante sua vida escreveu diversos livros e muitos artigos científicos sobre a Antártica, tendo recebido diversas medalhas e condecorações miltares por serviços prestados, exploração geográfica e progresso da ciência.

Ronne morreu em 1980, em Bethesda, estando enterrado da seção 2 do Cemitério de Arlington. a Plataforma de gelo de Filchner-Ronne foi assim denominada em sua homenagem e na de Wilhelm Filchner.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Antarctic Conquest (1949) (junto c/ L. Sprague de Camp)
  • Antarctic Command (1958)
  • Ronne Expedition to Antarctica (1970)
  • Antarctica, My Destiny (1979).

Referências[editar | editar código-fonte]