Flebografia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Flebografia de um paciente com trombose venosa profunda.

A flebografia, também conhecida como venografia, é um procedimento no qual um raio-x das veias é realizado após a injeção de um contraste numa veia, usualmente do pé. O contraste deve ser injetado constantemente através de um catéter, o que configura o procedimento como invasivo. O pioneiro da flebografia foi o professor e cirurgião João Cid dos Santos (1907-1975).

Era um exame usado para diagnosticar trombose venosa profunda, porém atualmente já não é usado para este fim pois a Ecografia e o doppler vieram facilitar o diagnóstico pela precisão, conforto para o doente e menor custo. Pode eventualmente ser usado para fins de investigação ou em certos casos de malformações venosas.1

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Bates SM, Jaeschke R, Stevens SM, et al.. (2012). "Diagnosis of DVT: Antithrombotic Therapy and Prevention of Thrombosis, 9th ed: American College of Chest Physicians Evidence-Based Clinical Practice Guidelines". Chest 141 (suppl 2). DOI:10.1378/chest.11-2299. PMID 22315267.