Flinders Street Station

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Flinders Street Station
Fachada da Flinders St.
Uso atual Estação ferroviária
Localização Flinders St com Swanston St, Melbourne, VIC
Coordenadas 37° 49′ S 144° 58′ E
Código FSS
Linha Todas do sistema
Administração Metro Trains Melbourne
Inauguração 1910

A Flinders Street Station é uma estação ferroviária da cidade de Melbourne, Austrália. Foi inspirada pela Chhatrapati Shivaji Terminus, de Mumbai.

Foi batizada de acordo com sua localização, no encontro das ruas Flinders e Swanston. Em dias úteis, a estação chega a registrar movimento de 110.000 passageiros e 1500 trens.

O local gerou até uma Expressão idiomática australiana: "I'll meet you under the clocks" (Eu o encontrarei sob os relógios). Tal expressão faz referência aos relógios que se encontram sobre a entrada principal da estação. Já foi eleita a estação mais movimentada do mundo.

História[editar | editar código-fonte]

A primeira estação ferroviária a ocupar o local, foi a Melbourne Terminus, inaugurada em Setembro de 1854. A Melbourne Terminus foi o primeiro terminal da Austrália, contava com uma plataforma de cerca de 30 m de comprimento. Outra plataforma foi adicionada em 1877, juntamente com viadutos para promover o acesso de pedestres. Contudo, a necessidade de um novo prédio para abrigar a estação resultou numa verdadeira corrida de projetos.

Em 1882, o governo local optou por erguer uma nova estação e uma competição de projetos foi lançada oficialmente. A competição só foi realizada em 1899, sendo que apenas 17 projetos foram considerados para uma final.

O primeiro prêmio (500 libras) foi para a Fawcett and Ashworth, que apresentou um projeto no estilo renascentista com uma torre de relógio e uma cúpula sobre o telhado.

Construção[editar | editar código-fonte]

As obras tiveram início em 1900, com a transposição das linhas férreas, enquanto o design final ainda era preparado. As passagens de pedestres ficaram concluídas 1 ano depois do início das obras e as fundações do prédio, 3 anos depois.

Em 1907, a estação recebeu 11 fundações para abrigar, futuramente, outras obras nas plataformas (a estrutura necessitava de fundações resistentes).

A obra foi assumida pela Victorian Railways em 1910, mas não pôde superar todas as expectativas. Apesar de ser subestimada, a Victorian Railways concluiu com êxito o íltimo andar, onde inseriu uma livraria e uma sala de leitura, mais tarde usada como salão.

Vista de uma das entradas da estação

.

Ícone de esboço Este artigo sobre transportes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.