Floribella (telenovela portuguesa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Floribella (Portugal))
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde agosto de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Floribella
Floribella.png
Informação geral
Formato Telenovela
País de origem  Portugal
Idioma original Português
Produção
Produtor(es) Atílio Riccó
Elenco Luciana Abreu
Diogo Amaral
Ricardo Pereira
Susana Mendes
Jorge Corrula
Tema de abertura "Corações ao Vento", Floribella
Exibição
Formato de exibição (HD)
Transmissão original 31 de março de 20061 de fevereiro de 2008
N.º de temporadas 2
N.º de episódios 409
Cronologia
Último
Último
O Jogo
Jura
Próximo
Próximo

Floribella é uma telenovela portuguesa adaptada de um original argentino escrito por Cris Morena (autora de outras novelas como Chiquititas e Rebelde Way), chamada Floricienta, produzida pela RGB e exibido em mais de 60 países.

Existe também uma versão brasileira, protagonizada por Juliana Silveira e Roger Gobeth na primeira temporada e Mário Frias na segunda temporada. Além disso há também um versão chilena, de nome Floribella, um amor de verdade, uma colombiana (com o mesmo nome da versão original), e uma mexicana ('Lola… Érase una Vez). A original argentina já foi exibida em Israel (dobrada).

O objectivo de Cris Morena, guionista, era fazer uma história que resultasse com qualquer público, e que se pudesse arquivar na categoria de entretenimento familiar.

Em Portugal, as gravações de Floribella chegaram ao fim a 30 de Outubro, tendo os atores participado num jantar de despedida a 31 de Outubro. Quase dois anos depois da estreia, a novela Floribella chegou, no dia 1 de Fevereiro de 2008, ao seu último episódio. Flor, a personagem principal, falava com fadinhas. A 1º Temporada da novela já foi exibida em 2010 no canal SIC K , Em 2010-2012 na RTP África as duas temporadas e em 2011-2012 novamente na Sic mas só a 2º temporada.

Trama[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Ana Flor Valente é a Cinderela da história, tem uma madrasta (Magda Rebello de Andrade) e duas meias-irmãs (Delfina e Sofia), embora Sofia seja tão boazinha quanto Flor. Flor só sabe deste pequeno pormenor no final da 1ª temporada, pois segundo o testamento do pai, Flor pode reclamar 50% da herança para si, mas se não o fizer em menos de um ano, perderá o direito a fortuna. Como Flor não sabe que é meia-irmã de Sofia e Delfina, não liga nada as pequenas pistas que lhe vão dando ao longo de cada episódio. Flor, no início da história, vai ser a vocalista de uma banda, com os seus amigos, Bata, Flip, Clara e Xana (mais tarde entraram dois novos inquilinos). A banda passou por uma pequena crise musical, pois a sua vocalista e manager deixaram a banda. Flor, que sempre sonhou ser vocalista, agarra a oportunidade e é aqui que começa a história.

A família Rebello de Andrade é uma família muito rica, possuidora de quintas no Algarve (não se pode dizer se têm outros negócios, pois outros não foram mencionados). Magda e Delfina Rabelo de Andrade são as bruxas e conheceram o Príncipe da história (Frederico Fritzenwalden) na Alemanha, onde Delfina se tornou sua noiva. Com a morte do pai de Delfina, Magda fica viúva mas as coisas não correm como queria: há um testamento onde é afirmado que a bastarda pode reclamar 50% da herança, mas tem de fazer isso antes de se completarem 12 meses após a morte do ex-marido da Magda. Magda e Delfina decidem então, impedir a todo o custo que Flor reclame a fortuna. A meio da história, Sofia, a irmã ingénua vai começar a investigar e descobrir acidentalmente que Flor é sua irmã.

Bom, já falamos dos vilões e da heroína, agora falemos da família real, que é na verdade um clã alemão multimilionário: a família Fritzenwalden. O pai dos irmãos Fritzenwalden fez fortuna no ramo do negócio da engenharia, mais tarde casou e teve 6 filhos: Frederico, Henrique e o seu irmão gémeo Afonso, Maria, o problemático Martim e Tomás. Um acidente de aviação resultou a morte do patriarca do clã e Frederico, como irmão mais velho, ficou no comando. Os negócios tiram-lhe a juventude e tornou-se frio.

Com a chegada de Flor a mansão, isso muda. Os dois se apaixonam, mas Delfina vai fazer tudo para impedir que o seu amor seja revelado: num episódio haverá um baile, em que os pequeninos vão fazer Delfina e Flor vestirem um vestido de Princesa igual. Delfina vai-se embora, Flor chega e Frederico confunde-a com Delfina. Flor vai-se embora deixando ficar para trás um pequeno sapato (como na Cinderela). Quando Delfina descobrir isto, Frederico andara com o sapato do baile a espera que a sua Princesa apareça e inventa a história de estar grávida. Delfina e Frederico marcam o casamento, mas os pequeninos fazem peripécias que fazem as duas primeiras vezes falharem. Entretanto, Delfina inventa que tem uma doença terminal, para que Frederico não a deixe. Este decide então casar com ela para satisfazer esse desejo, uma vez que 8supostamente) dentro de pouco tempo ela vai morrer. Mas antes, Frederico "casa-se" com Flor por amor, numa cerimónia íntima e particular. No fim, Delfina casa-se com Frederico, mas apenos pelo civil, porque na igreja Frederico recusa publicamente casar-se com ela.

Entretanto, ainda há muitos pormenores por contar. Como por exemplo, Rosa foi era uma menina orfã que estava a dormir na rua quando Flor a viu. Esta levou-a para casa e, mais tarde, Frederico assume todas as responsabilidades em relação à menina, e faz questão de a tratar como sua irmã. Enetretanto, Afonso apaixona-se intensamente por Flor e o desgosto dele ao saber que Flor não sente o mesmo por ele, leva-o a cometer um erro que lhe podia ter custado a vida. A ele e a Flor. Felizmente (no dia da 1º tentativa de casamento de Delfina e Frederico), este salva-os de um terrível incêndio, e Flor fica em coma durante algum tempo. Para além de Afonso, também Gustavo e Gabriel se rendem aos seus encantos. O primeiro, é casado e a sua mulher esta grávida, o que Flor vem a saber mais tarde com a ajuda de Frederico. Gabriel, é o último homem da primeira temporada. Estes conhecem-se desde pequenos e quando se reecontram, Gabriel reacende o amor que sentia por ela. Pede-lhe em casamento e esta aceita, apesar de não estar certa quanto a essa decisão. Mas no fim, o próprio Gabriel apercebe-se que Flor está demasiado apaixonada por Frederico para poderem casar-se e acaba aqui a jornada "Gabriel". Afonso apaixona-se entretanto por uma tia que enviuvou há pouco tempo, mais velha que ele. E apesar de ela também gostar dele, há muitos factos obscuros na vida de Amélia (nome da tia) que os impedem de ser felizes juntos. Entretanto, a banda de Flor (Floribella e os seus amigos)grava um CD que é um sucesso. Maria e Sebastião (o melhor amigo de Frederico, irmão de Dinis e advogado de família) vão-se apaixonar, mas Frederico não vai permitir isso. Já nos últimos episódios Maria vai para Londres estudar música, acabando assim por não aparecer na 2º Temporada da Floribella. Outra personagem muito importante que nos deixa na 1º temporada, é Sofia. Quando numa conversa descobre que Magda e Delfina não gostam dela e estragaram a vida a Flor, viaja para o Brasil, com esperanças de ser mais feliz lá. Flor vai descobrir quem é o seu pai.

Nos últimos episódios, Frederico morre para salvar heroicamente Máximo, um conde que está habituado a uma vida de luxo e adora mulheres bonitas. O Conde torna-se amigo de Lourenço, disfarçado de coronel. No último episódio, Frederico recebeu autorização para descer a terra e obrigar o Conde Máximo a assinar um documento que o obrigue a ficar no comando do clã.

Depois da morte de Frederico Fritzenwalden, a mansão ficou um caos. Delfina Rebello de Andrade Fritzenwalden, conseguiu, por via judicial, que o casamento dela e de Frederico, não fosse anulado, sendo assim a legítima esposa e tutora das crianças e tornando a mansão Fritzenwalden num local impossível de se viver.

Conde Máximo Augusto Caldeiron de La Hoya, é um Príncipe e herdeiro legítimo ao torno de Krikoragan, porque o actual Rei não tem filhos e quer deixar descendentes. Quando Magda e Delfina descobrirem isto, esquecem rapidamente as fortunas Fritzenwalden e Rebello de Andrade e sonham com outra coisa, serem Rainha e Mãe Real. Para isto, Delfina deve casar com Máximo, que cujo coração foi roubado por Flor, que o rejeita constantemente. A trama prossegue a medida que novos personagens aparecem, Olívia, prima alemã dos Fritzenwalden que já tem noivo mas é apaixonada por Afonso, o Rei de Krikorágan, mãe de Máximo e no fim Antoine, o antigo cozinheiro dos Fritzenwalden.

A mãe de Máximo chega e fica doente, o que faz Máximo jurar para o Céu que se pouparem a sua mãe, cumprirá todos os desejos de Delfina. Como a mãe de Máximo sobrevive, Máximo cumpre a sua parte do acordo e jura a Delfina que vai tornar realidade todos os seus desejos. Obviamente, Delfina faz de anjo e não aceita isso, mas na verdade ela já se imagina Princesa, Rainha, possuir jóias, terras, castelos e muito mais.

Lourenço Moura apaixonou-se perdidamente por Flor, fazendo-o esquecer os seus malvados planos, mas Flor acha-o como um amigo. Acho que temos um vilão prestes a tornar-se um herói. Infelizmente, quando Delfina descobrir a paixão de Lourenço, vai deixá-lo e concentra-se em tornar-se Princesa, o que não vai ser muito difícil. Há ainda outros pormenores, como o primo de Máximo, Segundo, que se vai apaixonar por Flor e inclusive pedi-la em casamento. Afonso vai descobrir que foi adoptado e que o verdadeiro irmão gemeo de Henrique é Manuel, uma personagem que surgirá ao decorrer da novela. Entre muitas peripécias, muitas lágrimas e alguns sorrisos também, Flor e Máximo acabam juntos… Depois de fazer um teste de gravidez, Flor deixa Máximo sem palavras porque vai ter um "mini-condorzinho", aliás, dois porque ela está grávida de gémeos. As bruxas vão presas, apesar de Delfina se arrepender de todo o mal que causou, tanto a Frederico como a Flor e Máximo, e após casarem-se são nomeados Reis de Kricoragán. Adoptam Rosa, Tomás e Martim. Mas Flor nunca esquece Frederico Fritzenwalden, o primeiro grande amor de Flor, que após se casar e ter gémeos, passa-o a recordar com um grande sorriso nos lábios. É importante referir também que um pouco do espírito de Frederico passou a fazer parte de Máximo, e essa parte do espírito é o que faz Máximo aprender a amar de verdade. O amor vence no final, e todos são felizes, desde os membros da banda, aos Fritzenwalden, passando por Maria e Sebastião (que se supõe serem felizes juntos, pois num dos episódios da 1º temporada, Frederico dá "licença" para que os dois namorem). Flor vive a sua 2º oportunidade de ser feliz e todas as personagens da novela são felizes para sempre.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

Adaptação e guião[editar | editar código-fonte]

Produtora[editar | editar código-fonte]

Realização[editar | editar código-fonte]

  • Atílio Riccó
  • Rodrigo Riccó
  • Paulo Rosa

Episódios[editar | editar código-fonte]

Floribella[editar | editar código-fonte]

  • 283 Episódios

Floribella II[editar | editar código-fonte]

  • 207 Episódios

Total[editar | editar código-fonte]

  • 490 episódios

Banda sonora original[editar | editar código-fonte]

Lançado no dia 19 de Junho de 2006, na loja de CDs Fnac, a sessão de autógrafos foi um caos, devido ao excesso de fãs concentrados no mesmo local. O CD da primeira temporada atingiu a décima platina, o que significa que é o detentor do record de CD mais vendido em Portugal.

Alinhamento do CD - 1ª Temporada[editar | editar código-fonte]

  • Floribella - (Floricienta)
  • Quando eu te vejo - (Porqué)
  • Tic Tac - (Tic Tac)
  • Pobres dos Ricos - (Pobre los ricos)
  • Assim Será - (Así será)
  • Primeiro Encontro - (Primeiro Encontro)
  • Miau Miau - (Kikiriki)
  • Vestido Azul - (Mi vestido azul)
  • Olhos P'ra Mim - (Você vai me querer)
  • Sem Ti - (Te siento)
  • Um Novo Dia - (Los niños no mueren)
  • Anda Comigo - (Chaval Chulito)
  • Faixa Bónus Multimédia Floribella (genérico da novela

O Melhor Natal[editar | editar código-fonte]

O CD de Natal, O Melhor Natal, para comemorar a época festiva, foi dupla platina. O CD inclui músicas remixadas com efeitos de Natal, músicas de Natal, e músicas inéditas como «Tu» e «No Meu Mundo», duas músicas lentas que obtiveram muito sucesso. A música «Boa Noite», ganhou um teaser que foi para o ar todos os episódios da primeira temporada, para mandar deitar as crianças que viam a telenovela infantil.

  • Chegou o Natal (Navidad) - Luciana Abreu
  • Tic Tac (Tic Tac) - Versão de Natal - Luciana Abreu
  • No Meu Mundo (Princesa de la terraza) - Luciana Abreu
  • Olá 2007 (Año nuevo) - Luciana Abreu
  • Flor (Floricienta) - Versão de Natal - Luciana Abreu
  • Boa Noite (Hay un angel) - Luciana Abreu
  • Um Novo Dia (Los Niños no Muerren) - Versão de Natal - Luciana Abreu
  • Tu (Tú) - Miguel Dias
  • Assim será (Y Asi Sera) - Versão de Natal - Luciana Abreu

CD da segunda temporada[editar | editar código-fonte]

O CD de «Floribella II», até agora atingiu a tripla platina. A primeira platina foi atingida em quinze horas. Conclui-se que, apesar das (muito) baixas audiências desta segunda temporada da Floribella, os CDs continuam com o mesmo sucesso desde a sua primeira temporada.

  • Corações ao vento (Flor - Luciana Abreu)- (Corazones al viento);
  • Desde que te vi (Flor - Luciana Abreu)- (Desde que te vi);
  • Vem Dançar (Flip e Flor - Marco Medeiros e Luciana Abreu)- (A Bailar);
  • Há uma lenda (Flor - Luciana Abreu)- (Hay un cuento);
  • Coisas que odeio em ti (Flor - Luciana Abreu)- (Cosas que ódio de vos);
  • Ding Dong (Flor - Luciana Abreu)- (Ding Dong);
  • Sem ti vivo no escuro (Flor - Luciana Abreu)- (Te siento);
  • Eu posso, tu também (Flor - Luciana Abreu)- (Vos podes);
  • Tu vais voltar (Flor - Luciana Abreu)- (Un enorme drágon);
  • Que esconde o conde? (Miguel Dias - Antoine)- (Que esconde el conde?);
  • Flor Amarela (Flor - Luciana Abreu)- (Flores Amarillas);
  • Caprichos (Vanessa)- (Caprichos);
  • Eternamente - Gal Costa;
  • Faixa Bónus Multimédia Floribella (genérico da novela).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]