Fome Chalisa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Fome Chalisa de 1783-1784 no Sul da Ásia seguiu eventos não usuais de El Niño que iniciaram em 1780, causando secas pela região.[1] Chalisa (literalmente, "dos quarentas" em Hindustani) refere-se ao ano de 1840 (1783) no calendário Bikram Samwat.[2] A fome afetou muitas partes do norte Indiano, especialmente os territórios Deli, atual Uttar Pradesh, leste de Punjab, Rajputana e Caxemira, então todos controlados por diferentes governantes.[3] A Chalisa foi precedida por uma fome no ano anterior, em 1782-1783, no sul da Índia, incluindo a cidade de Madrasta e áreas adjacentes (sob controle da Companhia Britânica das Índias Orientais) e se estendeu até o Reino de Mysore.

Juntas, as duas fomes possivelmente depopularam muitas regiões da Índia, incluindo, por exemplo, 17% das vilas na região de Sirkali, atual Tamil Nadu,[1] 60% das vilas em Doab meridional do atual Uttar Pradesh,[4] e mais de 30% das vilas nas regiões em torno de Deli.[5] Aproximadamente 11 milhões de pessoas possivelmente morreram nas duas fomes.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Grove 2007, p. 80
  2. Bayly 2002, p. 503
  3. Imperial Gazetteer of India vol. III 1907, p. 502
  4. Bayly 2002, p. 90
  5. Stokes 1975, pp. 508-509

Leitura complementar[editar | editar código-fonte]