Força do Cóssovo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Crachá dos voluntários da KFOR em ambos alfabetos latino e cirílico.

A Força do Kosovo (em inglês: Kosovo Force ou KFOR) é uma força de paz internacional liderada pela OTAN, e responsável pelo estabelecimento de um ambiente seguro no Kosovo.[1]

A KFOR entrou no Kosovo em 12 de junho de 1999 sob um mandato da ONU, dois dias após a aprovação da Resolução 1244 do Conselho de Segurança das Nações Unidas. Na época da Resolução 1244, o Kosovo estava enfrentando uma grave crise humanitária, com as forças militares e paramilitares da República Federal da Jugoslávia (RFJ) e o Exército de Libertação do Kosovo (KLA) em engajamentos diários. As tensões étnicas foram as mais elevadas e o número de mortes atingiu uma alta histórica. Quase um milhão de pessoas fugiram do Kosovo como refugiados.[2]

Desde agosto de 2011, a KFOR é constituída por 5 872 soldados.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. NATO's role in Kosovo Nato.int (10 de junho de 2010). Visitado em 13 de junho de 2010. "Today, just under 10 000 troops from the NATO-led Kosovo Force (KFOR), provided by 31 countries (24 NATO and 7 non-NATO), are still deployed in Kosovo to help maintain a safe and secure environment and freedom of movement for all citizens, irrespective of their ethnic origin."
  2. NATO Topics: NATO in Kosovo Nato.int. Visitado em 28 de abril de 2010.
  3. "NATO Kosovo Force (KFOR)." NATO. Última atualização: agosto de 2011.
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.