Fortuna Garcês

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fortun Garcês
Rei de Pamplona
Governo
Reinado 882-905
Consorte Aurea Ibn Lopo Ibn Musa
Antecessor Garcia Iñiguez de Pamplona
Sucessor Sancho Garcês I
Vida
Morte Depois de 925
Filhos Ver Descendência
Pai Garcia Iñiguez de Pamplona
Mãe Urraca

Fortún Garcés (em árabe: فرتون بن غرسية, Fortoûn ibn Garsiya, conhecido como “o Monge” e morto depois de 925), foi rei de Pamplona (882 a 905), último soberano da Dinastia Iñiga e filho do rei Garcia Iñiguez e da rainha consorte Urraca, posivelmente filha de Fortun ibn Musa da dinastia do Banu Qasi.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A península ibérica em 910

Em 860, durante a invasão de Pamplona por Maomé I de Córdova, foi capturado e feito refém dos muçulmanos, em Córdova,[2] durante cerca de vinte anos. Entre 870 (morte de García Iñiguez) e 880, quando Fortún Garcés regressou, parece que governou como regente em Pamplona, Garcia Jimenes, filho de Jimeno Garcês da dinastia Jimena.

Durante o seu reinado sofreu várias expedições de castigo por parte dos exércitos de Córdova e dos seus aliados do vale do Ebro, os Banu Qasi, que tinham superado as controvérsias anteriores com Córdova, e actuavam novamente como verdadeiros convertidos do Islão.

Mais tarde acabou por estabelecer boas relações com Banu Qasi Lopo ibn Muhammad ou Lopo ibn Musa, casando-se com Oria (ou Auria) ibn Lopo ibn Musa, filha de Lopo ibn Musa.

O rei Afonso III das Astúrias e o Conde de Pallars, inimigos dos Banu Qasi, organizaram uma revolta que levou ao trono Sancho Garcés I de Pamplona, filho de Garcia Jiménez, que havia sido regente durante o cativeiro de Fortún.

Alguns historiadores afirmam que Fortun Garcês se retirou para o Mosteiro de Leyre onde morreu em 925 e onde foi enterrado.

Matrimonio e descendência[editar | editar código-fonte]

Com sua esposa Aurea, foi pai de cinco filhos:[a]

Notas[editar | editar código-fonte]

[a] ^ Da acordo como o Codex de Roda, "Enneco Furtuniones et Asenari Furtuniones et Belasco Furtuniones et Lope Furtuniones et domna Onneca" foram os filhos do Fortun Garcês.
[b] ^ Aznar Sanchez de Larraun era filho de Sancho Garcês, filho do rei Garcia Íñiguez de Pamplona.

Referências

  1. Salazar y Acha 2007, p. 33-34.
  2. a b Martinez Diez 2007, p. 25.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre reis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.