Fragata Blindada Cochrane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cochrane
Fragata blindada Cochrane
Carreira   Bandeira da marinha que serviu
Construção Earle's Shipbuilding Co., Kingston upon Hull
Batimento de quilha 1873
Lançamento 23 de janeiro 1874
Descomissionamento 1908
Descomissionado em 1933
Estado Desmontado em 1934
Características gerais
Tipo de navio Fragata couraçada de batalha
Classe Classe Almirante Cochrane Couraçado
Deslocamento 3.540t
Comprimento 64m
Boca 13,9m
Calado 6,7m
Propulsão 2 motores a vapor, com 2 eixos 6 caldeiras cilíndricas
Velocidade 12 nós
Autonomia 1.200 milhas náuticas
Armamento em 1879: 6 canhões de 9pol carregados pela boca
Um canhão de 20 libras
Um canhão de 9 libras
Um canhão de 7 libras
Uma metralhadora Nordenfeldt de 25mm

Cochrane é uma fragata blindada, vulgarmente conhecida como El Cochrane, era um navio da Armada Chilena no final do século XIX, sendo nomeado em homenagem ao Almirante Thomas Cochrane que comandou a Armada Chilena durante a sua guerra de independência. Foi construído, como seu irmão gêmeo, a fragata blindada Blanco Encalada, no Reino Unido em 1875. Ele participou ativamente da Guerra do Pacífico, a sua ação ser mais proeminente foi a captura do monitor peruano Huáscar no Combate Naval de Angamos. O Cochrane também fez uma visita ao Brasil em novembro de 1889, poucos dias antes da queda da monarquia brasileira, tendo seus oficias comparecidos como convidados ao Baile na Ilha Fiscal, com o propósito de estreitar os laçoes de amizade entre Brasil e Chile. Em 1891, o Cochrane participou da Guerra Civil de 1891atacando fortes presidenciais, ao lado das forças que derrotaram o presidente chileno, José Manuel Balmaceda. O Cochrane continuou em serviço até 1933, quando foi desmantelado.

Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.