Francisco II de França

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Francisco II
Grand Royal Coat of Arms of France.svg
Pela graça de Deus, Rei Cristianíssimo da França e Escócia; Conde de Provença, Focalquier e terras adjacentes; Delfim de Viennois, Conde de Valentinois e Diois
Francois II de france.jpg
Governo
Reinado 10 de julho de 15595 de dezembro de 1560
Coroação 21 de setembro de 1559
Consorte Maria I da Escócia
Antecessor Henrique II
Sucessor Carlos IX
Dinastia Valois-Angoulême
Vida
Nascimento 19 de Janeiro de 1544
Castelo de Fontainebleau, Ilha-de-França
Morte 5 de Dezembro de 1560 (16 anos)
Orleães, França
Sepultamento Basílica de Saint-Denis, Ilha-de-França
Pai Henrique II
Mãe Catarina de Médicis

Francisco II de Valois nasceu em Fontainebleau em (19 de Janeiro de 1544 - 5 de Dezembro de 1560) Orleans, estando sepultado em St. Denis. Foi Rei de França de 1559 até à sua morte. Francisco era filho do rei Henrique II de França e da sua consorte Catarina de Médicis, Duquesa de Urbino.

Francisco tornou-se Delfim de França ou Delfim do Viennois, como eram chamados os herdeiros, em 1547, pois seu pai era rei. Duque da Bretanha. A 24 de Abril de 1558 casou em Paris com Maria Stuart, Rainha da Escócia desde a idade de sete dias, em 1542. Maria Stuart era nascida em Linlithgow a 8 de dezembro de 1542 e morreu executada em 8 de fevereiro de 1587 no castelo de Fotheringay, Northants, Inglaterra. Tinha desde 1558 o título de Duquesa da Touraine. Era filha de Jaime V Rei dos escoceses e de sua segunda esposa Maria de (Lorena-)Guise. Ao casar-se, Francisco se tornou rei consorte da Escócia e se intitulava rei titular da Inglaterra e da Irlanda, fortalecendo a aliança França-Escócia, países católicos, contra a Inglaterra protestante. Tornou-se ele próprio rei como Francisco II ao morrer subitamente o pai em 10 de Julho de 1559, mas como tinha 15 anos, a regência foi entregue à sua mãe, a florentina Catarina de Médicis.

Os Huguenotes confiavam em Catarina porque sabiam-na encantada pelos salmos de Clément Marot e porque prometera ao Príncipe de Condé e ao Almirante de Coligny, líderes, liberdade e segurança para os huguenotes. Mas alguns huguenotes intrigantes tentaram desenvolver um Estado dentro do Estado, na França e em seus sínodos urgiam que se adotassem "todos os meios de defesa própria e ataque, fornecendo dinheiro aos militares e tentando ocupar cidades e fortalezas".

Catarina viu-se obrigada a permitir aos Guise, família à qual pertencia a mãe da Rainha consorte de Maria Stuart, a abafar a conspiração de Amboise, em março de 1560, e por uns poucos meses exerceram uma espécie de ditadura. Para revigorar a paralisia do governo, Catarina nomeou como chanceler Michel de l'Hôpital, cuja esposa e filhos eram calvinistas, e convocou uma assembleia de notáveis em Fontainebleau (agosto de 1560) na qual se decidiu que a punição dos heréticos seria suspensa, e os Estados Gerais, nos quais se buscaria paz religiosa, deveriam se reunir em Orleans em dezembro.

Nunca tivera boa saúde e morreu em dezembro do mesmo ano, de otite. Foi sucedido pelo irmão Carlos de Valois.

Precedido por:
Henrique II
Rei da França
10 de julho de 15595 de dezembro de1560
Sucedido por:
Carlos IX
Brasão de Francisco II como Delfim e rei consorte da Escócia
Delfim da França

31 de março de 154710 de julho de 1559
Sucedido por:
Luís de Bourbon


Precedido por
Maria de Guise
Rei Consorte da Escócia
24 de abril de 15585 de dezembro de 1560
Sucedido por
Henrique Stuart