Frank Klaus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frank Klaus Boxing pictogram.svg
Informações pessoais
Categoria Peso-Médio
Nacionalidade Estados Unidos Americano
Data de nascimento 30 de dezembro de 1887
Cidade natal Pittsburgh, Pensilvânia
Data de falecimento 8 de fevereiro de 1948 (60 anos)
Local de falecimento Pittsburgh, Pensilvânia
Estilo Ortodoxo
Cartel
Lutas 95
Vitórias 32
Vitórias por nocaute 21
Derrotas 5
Empates 2

Frank Klaus (Pittsburgh, 30 de dezembro de 1887 - 8 de fevereiro de 1948) foi um pugilista americano, que se tornou campeão mundial dos pesos-médios entre 1912 e 1913.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Descendente de alemães, Fank Klaus nasceu em Pittsburgh, aonde começou a lutar profissionalmente em 1904, quando tinha somente dezessete anos de idade.

Medindo 1,71m de altura, era um lutador geralmente mais baixo do que seus adversários, mas que no combate à curta distância conseguia se transformar em um oponente bastante perigoso.[1]

Desconhecido do grande público, em 1909, Klaus lutou seis assaltos contra o ex-campeão Billy Papke. A luta não teve um vencedor oficial, mas alguns jornais deram a vitória para Klaus, ao passo que outros noticiaram um empate.[2]

Um ano mais tarde, Klaus subiu aos ringues contra o temido campeão Stanley Ketchel, em uma luta programada para durar seis rounds. Resistindo até o fim da luta, Klaus conseguiu arrancar um empate do campeão. [2]

Pouco meses após essa sua luta contra Klaus, Ketchel acabou sendo assassinado e, desta forma, o título dos pesos-médios passou a ficar sem um dono, o que deu início a uma desenfreada corrida pelo direito de herdar o título deixado por Ketchel.

Inicialmente, o ex-campeão Billy Papke logo se apressou em declarar-se como o novo campeão, porém, muitos foram os lutadores que decidiram contestá-lo, incluindo Klaus, que também passou a reivindicar o direito ao título, a partir de 1912, depois de ter vencido uma luta contra Ed Petroskey.[2]

Mas o resultado desse impasse entre os vários postulantes ao título de campeão dos pesos-médios começou a pender para o lado de Klaus, assim que ele derrotou Jack Dillon, outro que também se declarava campeão, e depois o francês Georges Carpentier, o grande campeão europeu dos médios.[1] [2]

Com a Europa passando a reconhecer Klaus como o legítimo campeão, Papke não teve outra escolha senão aceitar um embate direto contra Klaus. A luta entre Klaus e Papke aconteceu em Paris, em 1913, e terminou com a vitória de Klaus.[1] [2]

Após ter provado sua superioridade sobre seus maiores adversários, o título de campeão mundial dos pesos-médios de Klaus teve sua legitimidade retrocedida à sua vitória contra Ed Petroskey. Todavia, a alegria de Klaus não durou muito tempo, haja vista que, poucos meses após ter se tornado o novo campeão inconteste, seu título acabou sendo-lhe tomado por George Chip.[1] [2]

Klaus ainda tentou uma revanche contra Chip, ainda em 1913, mas assim como havia acontecido anteriormente, esta luta acabou tendo o mesmo desfecho do embate prévio, ou seja, Klaus derrotado por nocaute.[1] [2]

Em 2008, Frank Klaus passou a integrar a galeria dos maiores boxeadores de todos os tempos, que estão imortalizados no International Boxing Hall of Fame.[3]

Referências

  1. a b c d e f Frank Klaus no Cyber Boxing Zone (em Inglês). Página visitada em 16 de setembro de 2010.
  2. a b c d e f g Frank Klaus no BoxRec (Cartel) (em Inglês). Página visitada em 16 de setembro de 2010.
  3. Frank Klaus no International Boxing Hall of Fame (em Inglês). Página visitada em 16 de setembro de 2010.

Ver também[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Stanley Ketchel
Campeão dos Pesos-Médios
1912 - 1913
Sucedido por
George Chip