Frans Wouters

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frans Wouters em Het Gulden Gabinete.

Frans Wouters (1612-1659) foi um pintor da Bélgica.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Wouters nasceu em Lier, na Bélgica. Ele estudou com Peter Paul Rubens[2] em 1634, e tornou-se um mestre da Guilda de São Lucas no ano seguinte, e passou a década de 1630 como pintor da corte do imperador Fernando II e Charles I de Inglaterra.[1] Suas obras, especialmente aqueles feitas após 1648, quando ele estava trabalhando para o arquiduque Leopold Wilhelm da Áustria, mostram uma influência cada vez maior de Anthony van Dyck.[1] Morreu em Antuérpia.

Referências

  1. a b c Hans Vlieghe. Flemish Art and Architecture, 1585-1700. New Haven: Yale University Press, 1998. 111 p.
  2. Franciscus Wouters biography in De groote schouburgh der Nederlantsche konstschilders en schilderessen (1718) by Arnold Houbraken, courtesy of the Digital library for Dutch literature