Frederico Guilherme de Hesse-Cassel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frederico Guilherme
Conde de Hesse-Cassel
Frederik af Hessen-Kassel 1820-1884 by G. Le Gray & Cie.jpg
Frederico Guilherme
Governo
Consorte Alexandra Nikolaevna da Rússia
Ana da Prússia
Vida
Nascimento 26 de Novembro de 1820
Morte 14 de outubro de 1884 (63 anos)
Filhos Guilherme de Hesse-Cassel
Frederico Guilherme II de Hesse
Isabel de Hesse-Cassel
Alexandre Frederico de Hesse-Cassel
Frederico Carlos de Hesse-Cassel
Maria-Polyxene de Hesse-Cassel
Sibília Margarida de Hesse-Cassel
Pai Guilherme de Hesse-Cassel
Mãe Luísa Carlota da Dinamarca

Frederico Guilherme Jorge Adolfo, conde de Hesse-Cassel, (26 de novembro de 1820 - 14 de Outubro de 1884) foi o único filho de Guilherme de Hesse-Cassel e da princesa Luísa Carlota da Dinamarca.

Tinha grande importância dinástica, uma vez que era candidato tanto ao trono de Hesse-Cassel, pelo lado do pai, como ao trono dinamarquês pelo lado da mãe.

Família[editar | editar código-fonte]

Frederico Guilherme era o quarto filho do conde Guilherme de Hesse-Cassel e da princesa Luísa Carlota da Dinamarca. Entre as suas irmãs estava a princesa Luísa de Hesse-Cassel, esposa do rei Cristiano IX da Dinamarca, e mãe da princesa Alexandra da Dinamarca, esposa do rei Eduardo VII do Reino Unido, do rei Jorge I da Grécia e da princesa Dagmar da Dinamarca, esposa do czar Alexandre III da Rússia. Os seus avós paternos eram o conde Frederico de Hesse-Cassel e a princesa Carolina de Nassau-Usingen. Os seus avós maternos eram o príncipe-herdeiro Frederico da Dinamarca e a grã-duquesa Sofia Frederica de Mecklemburgo-Schwerin.[1]

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Frederico nasceu em Copenhaga e mudou-se permanentemente para a Dinamarca aos três anos de idade, crescendo lá. Estudou depois na Universidade de Bonn e iniciou a sua carreira militar.

Casamentos e descendência[editar | editar código-fonte]

A primeira esposa de Frederico foi a grã-duquesa Alexandra Nikolaevna da Rússia com quem se casou a 28 de janeiro de 1844. Os dois tinham-se conhecido quando Frederico visitou São Petersburgo com a intenção de pedir a irmã de Alexandra, Olga, em casamento, mas acabaria por apaixonar-se pela primeira. O casal teve apenas um filho, Guilherme, nascido a 10 de agosto de 1844, três meses antes do tempo. A criança morreu poucos minutos depois de nascer e Alexandra teve o mesmo destino ao final do dia.

Frederico nunca se recuperou completamente deste golpe e apenas se voltou a casar nove anos depois com a princesa Ana da Prússia a 26 de maio de 1853. O casamento foi infeliz, mas produziu seis filhos:

Referências