Frederico I de Wettin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frederico o Belicoso

Frederico I de Wettin (11 de abril de 1370Altemburgo, 4 de janeiro de 1428), foi apelidado o Belicoso (em alemão: der Streitbare).

Filho de Frederico III de Wettin (1332-1381) Le Fort ou o Valente, Landgrave da Turíngia e marquês da Mísnia (Meißen), e de sua esposa Catarina de Heneberga (?-1397) filha de Henrique XII, conde de Heneberga, herdeira de Coburgo, Neustadt, Sonneberg, Neuhaus, Rodach e outros senhorios.

Frederico I, ao mesmo tempo, era Frederico IV como marquês de Meissen, pois foi co-marquês da Mísnia de 1381 a 1423, depois príncipe-eleitor da Saxônia e conde palatino da Saxônia em 1423. Duque da Saxônia-Vitemberga em 1423.

Casamento e posteridade[editar | editar código-fonte]

Casou em 7 de fevereiro de 1402 com Catarina de Brunsvique-Luneburgo, morta em 28 de dezembro de 1442 em Grima) filha de Henrique I, duque de Brunsvique. Tiveram sete filhos:

  • 1 - Catarina.
  • 2 - terceiro filho Sigismundo da Saxônia (Grima 1416-1471 Rochlitz), bispo de Wurtzburgo.
  • 3 - Ana da Saxônia (1420-1462). Casada em Cassel em 1433 com Luís II (?-1458) conde de Hessen.
  • 4 - Catarina da Saxônia (1421-23 de agosto de 1476 Berlim). Casada em 11 de junho de 1441 em Vitemberga com Frederico II de Hohenzollern (1413-1471), príncipe-eleitor de Brandemburgo em 1440.
  • 5 - Henrique da Saxônia (Meissen 1422-1435 Dresden).
  • 6 - Guilherme III (Meissen 30 de abril de 1425-17 de setembro de 1482 em Weimar)apelidado o Bravo, der Tapfere. Conde da Turíngia em 1445, Duque de Luxemburgo de 1457 a 1469. Casado em 1446 em Jena com a princesa Ana da Áustria ou de Habsburgo (1432-1462) filha primogênita do imperador Alberto II, Rei dos Romanos, e de Elisabeth da Boêmia. Tiveram dois filhos e ele ao enviuvar casou em 1463 em Weimar com Catarina, filha de Eberardo de Brandenstein.
  • 7 - Frederico II (1412-1464) O Plácido, der Sanftmuetige. Duque-eleitor da Saxônia e conde palatino da Saxônia em 1428.