Fuke

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido (desde outubro de 2009). Ajude e colabore com a tradução.

Fuke (em japonês: 普化禪) foi um ramo do Budismo Zen que existiu no Japão do século XIII até o final do século XIX. Os monges Fuke eram famosos por tocar a flauta shakuhachi como uma forma de meditação. No imaginário popular japonês Fuke era caracterizado por seus monges tocando a flauta shakuhachi enquanto usavam o grande chapéu de cesto que cobria completamente suas cabeças quando iam em peregrinação.

O fundador Puhua[editar | editar código-fonte]

De acordo com certos relatos, a escola zen Fuke deriva dos ensinamentos do mestre zen chinês Linji Yixuan (c. 800–866), conhecido no Japão como Rinzai Gigen. Entretanto, a escola Fuke contava como seu fundador um dos contemporâneos de Linji, Pǔhuà (普化), cujo nome é Fuke em japonês. Puhua tinha a reputação de ser um monge de muitos talentos, conhecido por sua criatividade e ao mesmo tempo era bastante rigoroso.

Uma história de Puhua em particular demonstra seu estilo único de Chan não verbal:[1]

Quando Panshan Baoji estava próximo da morte, ele disse a seus monges, "Existe alguém entre vós que consegue pintar um retrato meu?"

Muitos dos moges tentaram mas a Panshan nenhum agradou.

O monge Puhua deu um passo a frente e disse, "Eu consigo desenha-lo."

Panshan disse, "Por que você não mo mostra?"

Puhua deu então um cambalhota e saiu.

Panshan disse, "Algum dia este rapaz vai ensinar os outros de uma forma maluca!"

Tendo dito estas palavras Panshan faleceu.


Morte de Puhua[editar | editar código-fonte]

O falecimento de Puhua é relatado no Registro de Linji. Além de dar importância especial ao fato de Puhua tocar um sino, é igualmente interessante como uma história de renascimento budista que rivalza a hstória do Bodhidharma, o mestre indiano que trouxe a escola Ekayana da Índia à China, a seita Chan na China e posteriormente Zen no Japão.

Notas e referências

  1. Ferguson, page 100.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Ferguson, Andy. Zen's Chinese Heritage: The Masters and Their Teachings. Wisdom Publications, Boston, 2000. ISBN 0-86171-163-7.
  • Watson, Burton; tr. The Zen Teachings of Master Lin-Chi: A Translation of the Lin-chi lu. New York: Columbia University Press, 1999. ISBN 0-231-11485-0.
  • Schloegl, Irmgard; tr. The Zen Teaching of Rinzai. Shambhala Publications, Inc., Berkeley, 1976. ISBN 0-87773-087-3.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Fuke