Funileiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Funileiro (português brasileiro) ou bate-chapa (português europeu) (ou ainda lanterneiro [no Rio de Janeiro], chapeiro [na Bahia], flandeiro, folheiro ou latoeiro) é o profissional metalúrgico que trabalha com a confecção de peças em folha-de-flandres.

Latoeiro (Dinandier), no trabalho, na última brassware oficina permanecendo em Dinant (Bélgica)

O nome remete à fabricação de peças moldadas a partir de chapas metálicas, como componentes de alambiques (principalmente funis, daí a origem). Por extensão, o termo passou a designar modernamente o responsável pela reparação das partes de chapa dos veículos da indústria automobilística.

Em algumas regiões do Brasil o profissional que exerce esta atividade é conhecido como lanterneiro, designação dada no século XVIII aos fabricantes de lanternas para iluminação de casas, ruas e navios.

Nesta atividade o profissional confecciona e repara chapas metálicas, riscando, moldando a frio, cortando, rebitando ou furando metais, para possibilitar a utilização desses, ou seja, ele risca chapas, baseando-se em desenhos ou especificações, confeccionando as peças de acordo com o planejamento. Para isto, o funileiro trabalha a chapa aplicando golpes com martelo ou outros processos, dando-lhe a forma esperada.

Este profissional também abre furos nas peças, solda, rebita e elimina as imperfeições, garantindo a qualidade do serviço feito e verifica a exatidão da montagem, consultando desenhos e especificações que lhe são fornecidas para introduzir alterações quando se faz necessário. Dependendo da especificação, o funileiro também executa instalações em locais designados, dando acabamento adequado ao trabalho.

Profissão reconhecida pelo CBO (Classificação Brasileira de Ocupações), instituída por portaria ministerial nº. 397, de 9 de outubro de 2002, do Ministério do Trabalho e Emprego. 1

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. www.cbo.mte.gov.br
Ícone de esboço Este artigo sobre uma profissão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.