Gástrula

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
1 - blástula, 2 - gástrula; laranja - ectoderme, vermelho - endoderme.

Em biologia e especificamente em embriologia, gástrula é a terceira fase do desenvolvimento embrionário dos animais triploblásticos.

No início da gastrulação, o embrião (blástula) é uma esfera cheia de líquido, com um polo animal e um polo vegetal. As células do polo vegetal começam então a dividir-se mais rapidamente que as outras e invaginam formando um espaço chamado arquêntero (que significa intestino primitivo). Algumas células separam-se da parede e migram para o blastocélio tornando-se células do mesênquima; estas células dividem-se formando filamentos chamados filipódios que empurram o arquêntero para o polo animal. O arquêntero que, até essa altura era um tubo fechado, abre-se para o exterior, formando a boca nos protostómios e nos deuterostômios o ânus do embrião. O humano é o segundo caso.

Estão assim formadas as três camadas do embrião:

A fase seguinte de desenvolvimento do embrião chama-se nêurula.

Ícone de esboço Este artigo sobre Embriologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.