GRES Mocidade Independente de Aparecida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mocidade Independente de Aparecida
Fundação 15 de março de 1980 (34 anos)
Escola-madrinha Em Cima da Hora
Cores Verde e Branca
Símbolo Papagaio
Bairro Aparecida
Presidente Luiz Pacheco
Presidente de honra Omar Aziz
Diretor de harmonia Duda Pacheco
Desfile de 2014
Enredo Centro de amor, Centro de vida: História e alma de um povo.

O Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade Independente de Aparecida é uma escola de samba de Manaus, no Amazonas.

É a escola que detém o maior número de títulos no Carnaval de Manaus. Sua quadra localiza-se à rua Ramos Ferreira, bem próximo à ponte que liga o bairro à Zona Oeste de Manaus, bem em frente a um edifício de luxo, o Vista del Rio.

História[editar | editar código-fonte]

A Mocidade Independente de Aparecida, carinhosamente apelidada de "pareca", foi fundada no dia 15 de março de 1980, no bairro de Aparecida (antigo bairro das Cornetas e bairro dos Tócos e "Das Cajazeiras"), na Zona Sul de Manaus, a partir de uma dissidência da Em Cima da Hora, pois começou a partir de uma ala desta chamada "Alô, Alô Aparecida"[1]

Teve como seu primeiro presidente o Sr. César Bandeira e já no seu desfile de estréia em 1981 ganhou o título de campeã do carnaval de Manaus em conjunto com sua madrinha azul e branco – a Em Cima da Hora (em 1981 houve duas campeãs). A Mocidade Independente de Aparecida foi a escola de samba que, em 1983, de certa forma, engendrou no Carnaval de Manaus uma nova forma de se fazer carnaval com carros alegóricos bem acabados e de muito brilho, quando do enredo que versava "sobre os planetas - O Carnaval das galáxias". A escola possui as cores verde e branco, inspiradas nas cores da Mocidade Independente de Padre Miguel do Rio de Janeiro.

No ano de 2013, a Aparecida foi campeã e resgatou seu 19º título do carnaval do de Manaus, com o enredo: "Nhamundá, uma viagem pelo rio das Ykamiábas".

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Luiz Pacheco ? - atualidade

Presidentes de honra[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Omar Aziz ? - atualidade

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor de harmonia Mestre de bateria Ref.
2014 Clemilton Pinto Duda Pacheco Mestre Lucas, Mestre Zé Carlos e Mestre Paulinho
2015

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Felipe Monteiro (comissão de frente)
Karla Kelcy
2015

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Carol e Marcelinho
2015

Corte de bateria[editar | editar código-fonte]

Ano Rainha Madrinha Musa Princesa Ref.
2014 Mayla Jéssica Layana Pampolha Priscila Carla Uchôa Julianna Barreto
2015

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Mocidade de Aparecida
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Ref.
1981 Campeã Especial Santos Dumont, O pai da aviação
1982 Campeã Especial Crenças e festas Brasileiras
1983 Campeã Especial Um carnaval nas galáxias. Nas asas da imaginação, Segundo Monteiro Lobato
1984 Campeã Especial De Cornetas à Aparecida, Porque não dos tocos?
1985 Campeã Especial Aparecida tem Caprichosamente Tem Seu Carnaval Garantido
1986 3º lugar Especial Das raízes aos matizes, é hora de brilhar
1987 Campeã Especial Verso a verso, Canto meu universo
1988 Campeã Especial Os Maués: Origem divina, Destino humano
1989 Hors concours (Não concorreu) A História antes da história
1990 Vice-campeã Especial Ô Abram Alas e Afastem o Véu, Prá Ribeiro Júnior Tiramos o Chapéu.
Não ocorreu desfile em 1991.
1992 Campeã Especial Recriando a criação
1993 Campeã Especial Nakokendê, Namabelê, Nazulipamda, Nzambê
1994 Campeã Especial Parque de Anjos: Faz de conta que assim será
1995 6º lugar Especial Com a cara e a coragem, Viajando numa gaiola
1996 Vice-campeã Especial E Aí, a Nave da Arte e da Cultura Pousa no Fluxo do Espírito Santo
1997 3º lugar Especial Skindá, Skindô. É Gol!
1998 Campeã Especial Missão Leopoldina
1999 Vice-campeã Especial Sob o Signo do Cometa "Mário Ypiranga Monteiro"
2000 Campeã Especial Lua, Luar... Olha o Boto Sinhá!
2001 Campeã Especial Da Banana ao Negro Ouro, Coari é Meu Tesouro
2002 4º lugar Especial Cabral, O Filho das Águas
2003 Campeã Especial Porto: Roadway de Manaus, 100 Anos de História, 333 Anos de Vida
2004 Campeã Especial Manáos – Manaus, Meu Amor, Meu Carnaval
2005 Vice-campeã Especial Aparecida – O Coração do Carnaval Bate Assim. 25 Anos de Glória... E Esta História Não Tem Fim
2006 Campeã Especial Zona Franca, Nossa Esperança: o Show Tem que Continuar
2007 4º lugar Especial Um Prato Cheio de Amor, que Alimenta a Alma, o Coração e a Mente
2008 Campeã Especial Luz, Câmera, Ação! O Cine Aparecida Apresenta: uma História de Paixão [2]
2009 3º lugar Especial Por Mares Dantes Navegados [3]
2010 5º lugar Especial Verde [4]
2011 Vice-campeã Especial Um Facho de Luz...Um Renascer na Floresta [5]
2012 Vice-campeã Especial MMXII [6]
2013 Campeã Especial Nhamundá, Uma Viagem pelo Rio da Ykamiabas

Intérprete:Wilsinho de Cima

Saulo Borges [7]
2014 Campeã Especial Centro de Amor, Centro de Vida: História e Alma de Um Povo".
2015 Especial "AQUIRI - ORGULHO DO BRASIL"

Referências

  1. Escolas de Samba de Manaus Portal Amazônia. Página visitada em 18 de julho de 2012. Cópia arquivada em 15 de novembro de 2012.
  2. Aparecida é a campeã do carnaval em Manaus G1 (6 de fevereiro de 2008). Página visitada em 8 de janeiro de 2014.
  3. Carnaval de Manaus leva 120 mil pessoas ao sambódromo Jornal do Brasil (22 de fevereiro de 2009). Página visitada em 8 de janeiro de 2014.
  4. Presidente do UniNorte é homenageado em desfile da Aparecida Uninorte (12 de fevereiro de 2010). Página visitada em 8 de janeiro de 2014.
  5. Carro alegórico pega fogo no Carnaval de Manaus A Crítica (6 de março de 2011). Página visitada em 8 de janeiro de 2014.
  6. Tiago Melo (19 de janeiro de 2012). Mocidade Independente de Aparecida aborda a profecia Maia, no AM G1. Página visitada em 8 de janeiro de 2014.
  7. Mocidade Independente de Aparecida vence o Carnaval de Manaus 2013 G1 (11 de fevereiro de 2013). Página visitada em 8 de janeiro de 2014.