Galantina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fatia de galantina de vegetais.
Galantina de pato com ovo.

Galantina ou também galantine é uma iguaria típica da culinária da França e também da culinária de Portugal. É confeccionada com diversos tipos de carnes desossadas, cobertas por uma camada de geleia. As carnes mais utilizadas são as de suíno, bovino, frango e faisão. É normalmente consumida fria, após ter sido escalfada.

Por vezes, as galantinas são também recheadas com uma mistura de carnes picadas, peixe, vegetais, frutas, pão ralado e especiarias. Esta mistura pode ser picada diversas vezes, até se obter uma pasta mole. Quando se utiliza esta mistura, a galantina é normalmente prensada, sendo a pasta introduzida numa forma cilíndrica.

Tipos de galantinas portuguesas[editar | editar código-fonte]

As galantinas normalmente encontradas nos supermercados em Portugal são confeccionadas com a pasta de base. Para além desta, o recheio pode conter mais ingredientes, existindo, por exemplo, galantinas de azeitona, de vegetais (pedaços de cenoura e de pimento vermelho), de cogumelos e de morcela. Tratando-se de uma carne fria, a galantine é normalmente consumida em sanduíches.

Tipos de galantinas francesas[editar | editar código-fonte]

Alguns dos tipos mais comuns de galantinas em França são: