Galt MacDermot

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Galt MacDermot (Montreal, 18 de dezembro de 1928) é um compositor, pianista e escritor de musicais canadense. Seu mais conhecido sucesso foram as músicas de Hair, o musical hippie dos anos 60. Ele também escreve para trilhas sonoras de filmes, álbuns de jazz, funk-music e música clássica. Através dos anos, suas músicas tem sido sampleadas por artistas de hip-hop de sucesso.

Carreira[editar | editar código-fonte]

MacDermot formou-se como bacharel em música pela Universidade da Cidade do Cabo, na África do Sul, especializando-se em música africana, após concluir seu estudos no Canadá. Ganhou seu primeiro Grammy com a gravação de sua música "African Waltz" feita pelo saxofonista norte-americano de jazz Cannonball Adderley, em 1960.[1] Mudou-se para Nova York em 1964 e três anos depois compôs as músicas de Hair, em parceria com os autores James Rado e Gerome Ragni, adaptando também as próprias músicas para o filme baseado na peça, feito em 1979 por Milos Forman. A gravação do musical com o elenco original ganhou o Prêmio Grammy de 1969.[2]

Em 1971, ele compôs as músicas de outro musical de sucesso, The Two Gentlemen of Verona, baseado na obra de William Shakespeare e que conquistou o Prêmio Tony de Melhor Musical daquele ano.[3] MacDermont foi indicado ao Tony de Melhor Música pelo musical e recebeu o Drama Desk Award por seu trabalho. Seus musicais seguintes, um deles feito em parceira com Rado, entretanto, não obtiveram sucesso na Broadway.

Paralelamente ao trabalho para o teatro, ele escreve para trilhas sonoras de filmes, começando em 1968 com a música Coffee Cold para o filme The Thomas Crown Affair, com Steve McQueen e Faye Dunaway e criou, em 1979, uma banda própria, New Pulse Band, que grava e faz apresentações tocando suas próprias músicas. A banda fez parte, tocando ao vivo as músicas da peça, da remontagem de Hair na Broadway em 2009.

Apreciadores de jazz e funk também colecionam os trabalhos de MacDermot, que em sua carreira já trabalhou com músicos que prefiguraram o material de funk de James Brown. Em décadas mais recentes, seu trabalho como compositor tem feito sucesso com outros públicos, ao ser sampleado por artistas do hip-hop como Run DMC e Busta Rhymes.[4]

Musicais[editar | editar código-fonte]

  • My Fur Lady (1957)
  • Hair (1967)
  • Isabel's a Jezebel (1970)
  • Who the Murderer Was (1970)
  • The Two Gentlemen of Verona (1971)
  • Dude (1973)
  • Via Galactica (1973)
  • A Comédia Humana (1984)
  • The Special (1985)
  • The Legend of Joan of Arc (1997)
  • Sun (1998)
  • Blondie (1998)
  • The Corporation (1999)

Discografia[editar | editar código-fonte]

Discografia selecionada excluindo álbuns para musicais e trilhas sonoras de filmes:

  • Art Gallery Jazz (1956)
  • The English Experience (1961)
  • Shapes of Rhythm (1966)
  • Haircuts (1969)
  • Woman is Sweeter (1969)
  • New Pulse Band (1979)
  • Purdie as a Picture (1994)
  • Up from the Basement Volumes 1 & 2 (2000)[5]

Referências