Garbo Talks

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Garbo Talks (br: Fala Greta Garbopt: Greta Garbo Fala) é um filme estadunidense de 1984, um drama com roteiro de Larry Grusin e dirigido por Sidney Lumet. O título foi retirado de um slogan do primeiro filme sonoro (1930) da atriz e estrela do cinema mudo Greta Garbo, quando sua voz foi ouvida em uma película pela primeira vez, pelo público. O filme explora o fato de Greta Garbo, depois de ter deixado o cinema ainda como estrela, tornar-se totalmente reclusa, a evitar qualquer contato com o público e a mídia.

Elenco Principal[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Estella Rolfe é uma ativista veterana de causas sociais e grande fã de Greta Garbo. Ela é separada e tem um único filho, Gilbert (em homenagem a John Gilbert, ator parceiro de Garbo em muitos filmes), com a personalidade inversa. Gilbert é um empregado que nunca reclama e se submete aos caprichos da esposa pretensiosa Lisa. No emprego, ele conhece a atriz iniciante Jane Mortimer e ambos se sentem atraídos, mas Gilbert evita que o relacionamento continue, contando para a moça ser casado. No entanto, as coisas mudam para ele quando recebe a notícia de que sua mãe está com um tumor no cérebro e conta apenas com alguns meses de vida. Sua mãe se conforma com a doença, mas pede um único desejo para o filho: ela quer ver Greta Garbo.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]