Gavião-pombo-grande

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaGavião-pombo-grande
Taxocaixa sem imagem
Estado de conservação
Status iucn3.1 NT pt.svg
Quase ameaçada (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Accipitriformes[1]
Falconiformes
Família: Accipitridae
Género: Leucopternis
Espécie: L. polionota
Nome binomial
Leucopternis polionota
(Kaup, 1847)

O gavião-pombo-grande (Leucopternis polionota) é um ave falconiforme da família Accipitridae. Está ameaçado de extinção devido a destruição do seu habitat.

Características[editar | editar código-fonte]

O gavião-pombo-grande mede entre 48 e 53 cm, com a região do dorso e asas cinza escuro, quase negro, e algumas coberteiras margeadas de branco. A cabeça, nuca e região do peito e ventre são de um branco imaculado, enquanto a cauda curta apresenta cor preta da base até a região mediana, branca no restante, Imaturo: de cabeça e pescoço rajados.Espécie de porte avantajado. Voz: Seqüência de assobios finos “bibibi…bibibi…”.

Alimentação[editar | editar código-fonte]

Sobre seus hábitos alimentares, Martuscelli (1996) descreve observações de capturas de sabiá (Turdus albicollis), papagaio-de-cara-roxa (Amazona brasiliensis) e alma-de-gato (Piaya cayana). Também captura répteis e pequenos mamíferos (roedores).

Reprodução[editar | editar código-fonte]

Na época da reprodução faz o ninho com galhos secos no alto das árvores.

Hábitos[editar | editar código-fonte]

Vive em florestas primárias e secundárias, mas existem várias observações de indivíduos frequentando matas bem alteradas e plantações.Costuma sobrevoar a pouca altura das florestas.

Distribuição Geográfica[editar | editar código-fonte]

Ocorre na faixa litorânea do Brasil oriental, nordeste da Argentina e Paraguai.

Referências

  1. Raptors (em inglês) IOC World Bird List.. Página visitada em 15 de Outubro de 2010.