Geminação de cidades

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde dezembro de 2013)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Placa que indica a direção e distância de cada cidade irmã de Los Angeles.

A geminação de cidades é um conceito que tem como objetivo criar relações e mecanismos protocolares, essencialmente em nível espacial, econômico e cultural, através dos quais cidades de áreas geográficas ou políticas distintas estabelecem laços de cooperação.[carece de fontes?]

Na Europa, estas paridades são designadas por cidades gémeas ou geminadas, enquanto que no Brasil e nos Estados Unidos se designa normalmente de "cidade irmã".

Geralmente, as cidades gêmeas têm características semelhantes (demográficas, por exemplo) ou pontos e referências históricas comuns.

Este conceito assemelha-se à prática da correspondência na rede mundial, onde os amigos por correspondência são cidades ou vilas no seu conjunto. Estes acordos levam ao estabelecimento e intercâmbio cultural, partilha de conhecimento, ensino (estudantes) e políticas empresariais entre outras actividades.

Em alguns casos, divisões territoriais mais vastas fazem acordos semelhantes, como é o caso de Xangai e da província de Hainan na República Popular da China e Jeju na Coreia do Sul. Curiosamente as cidades de Paris e Roma são gêmeas e possuem um acordo de aceitarem apenas cidades parceiras, o acordo se resume na frase: Apenas Paris é digna de Roma, apenas Roma é digna de Paris.


Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Geminação de cidades