Gene Vincent

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

[carece de fontes?]

Gene Vincent
Gene Vincent em 1967.
Informação geral
Nome completo Vincent Eugene Craddock
Também conhecido(a) como The Screaming kid
Nascimento 11 de Fevereiro de 1935 Norfolk, Virginia
País  Estados Unidos
Data de morte 12 de outubro de 1971 (36 anos)
Gênero(s) Rock and Roll, Rockabilly
Instrumento(s) Guitarra, Vocal
Período em atividade 1955-1971
Gravadora(s) Capitol Records
Afiliação(ões) The Blue Caps

Gene Vincent ou Eugene Vincent Craddock (11 de fevereiro de 1935 - 12 de outubro de 1971) foi um músico norte-americano de rockabilly, mais conhecido por seu sucesso "Be-Bop-A-Lula".

Carreira[editar | editar código-fonte]

Começou sua carreira tocando em diversas bandas de música country em Norfolk, Virgínia, depois de deixar a Marinha dos Estados Unidos com uma lesão permanente na perna. Assinou contrato com a Capitol Records com sua banda de apoio, The Blue Caps.

Depois que "Be-Bop-A-Lula" transformou-se num grande sucesso em 1956, Gene Vincent & os Blue Caps não conseguiram emplacar outros hits de tamanha repercusão, mas tiveram uma carreira pontilhada de sucessos como: "Bluejean Bop", "Race With the Devil", "Lotta Lovin'", "Crazy Legs" et "Baby Blue". Vincent inclusive foi um dos primeiros astros de rock a estrelar um filme, chamado The Girl Can't Help It.

Um fato marcante na carreira do cantor foi a morte de seu melhor amigo Eddie Cochran em um acidente automobilistico, durante uma turnê que ambos faziam pela Inglaterra no ano de 1960. Gene que também estava no veículo teve a antiga lesão de sua perna agravada e até o fim de sua vida não se recuperou psicologicamente do ocorrido.

A carreira de Gene teve uma enorme perda de popularidade a partir da metade dos anos 60, com a chegada das "english bands", embora ele continuasse a fazer sucesso na Europa, principalmente na Inglaterra e França.

Passou os últimos anos de sua vida tentando reconquistar o antigo sucesso, mas acabou afundando-se cada vez mais no álcool e na depressão. Faleceu na California em 1971, de cirrose gástrica.

Gene Vincent está sepultado no Eternal Valley Memorial Park em Newhall, Califórnia.

Forma junto com Buddy Holly e Eddie Cochran a quintessencia do rockabilly, sendo sem sombra de dúvidas, os maiores nomes do gênero.

Discografia[editar | editar código-fonte]

LP´s[editar | editar código-fonte]

  • 1956 - BLUEJEAN BOP.
  • 1957 - GENE VINCENT AND THE BLUE CAPS
  • 1958 - GENE VINCENT ROCKS AND THE BLUE CAPS ROLL
  • 1958 - A GENE VINCENT RECORD DATE
  • 1959 - SOUNDS LIKE GENE VINCENT
  • 1960 - CRAZY TIMES
  • 1963 - THE CRAZY BEAT OF GENE VINCENT
  • 1964 - SHAKIN' UP A STORM
  • 1967 - GENE VINCENT
  • 1969 - I'M BACK AND I'M PROUD
  • 1970 - IF ONLY YOU COULD SEE ME TODAY
  • 1971 - THE DAY THE WORLD TURNED BLUE

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Woman Love"/"Be-Bop-A-Lula" (Capitol F 3450 US) (6 de abril de 1956)
  • "Race With the Devil"/Gonna Back Up Baby" (Capitol F3530 US) (9 de outubro de 1956)
  • "Blue Jean Bop"/"Who Slapped John" (Capitol F3558 US) (10/56)
  • "Crazy Legs"/"Important Words" (Capitol F3617 US) (1 de julho de 1957)
  • "Five Days"/"Bi Bickey Bi Bo Bo Go" (Capitol F3678 US) (3/25/57)
  • "Lotta Lovin'"/"Wear My Ring" (Capitol F3763 US) (7/22/57)
  • "Dance to the Bop"/"I Got It" (Capitol F3839 US) (11/18/57)
  • "Lotta Lovin'"/Be Bop A Lula" (Capitol F3871 US) (11/20/57) (Re-issue)
  • "I Got a Baby"/"Walking Home From School" (Capitol F3874 US) (1/58)
  • "Baby Blue"/"True to You" (Capitol F3959 US) (5/58)
  • "Rocky Road Blues"/"Yes I Love You Baby" (Capitol F4010 US) (7/58)
  • "Git It"/"Little Lover" (Capitol F4051 US) (9/58)
  • "Say Mama"/"Be Bop Boogie Boy" (Capitol F4105 US) (11/58)
  • "Over the Rainbow"/"Who's Pushing Your Swing" (Capitol F4153 US) (1/59)
  • "The Night is So Lonely"/"Right Now" (Capitol F4237 US) (6/59)
  • "Wild Cat"/"Right Here on Earth" (Capitol F4313 US) (11/59)
  • "Anna Annabelle"/"Pistol Packin' Mama" (Capitol F4442 US) (9/60)

EP's[editar | editar código-fonte]

  • Hot Rod Gang (Capitol EAP 1-985 US) (9/58)

Participações em filmes[editar | editar código-fonte]

  • 1956: The Girl Can't Help It
  • 1958: Hot Rod Gang (Fury Unleashed)
  • 1960: Live It Up! (Sing And Swing)
  • 1962: It's Trad, Dad! (Ring A Ding Rhythm)

Vincent foi interpretado por Carl Barât no filme de 2009, Telstar

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Rock é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.