General Motors EV1

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
General Motors EV1
EV1A014 (1) cropped.jpg
Visão Geral
Nomes
alternativos
Saturn EV1
Produção 1996 - 1999
(1.117 unidades)
Fabricante General Motors
Modelo
Carroceria Compacto
Modelos relacionados
Honda EV Plus
Tesla Roadster
Chevrolet Volt Concept
Fiat Palio Elétrico
Volkswagen 1-litre concept
Cronologia
Último
Último
Impact (protótipo)
Chevrolet Volt (prototype)
Próximo
Próximo


O EV1 foi a primeiro veículo elétrico moderno lançado no mercado e produzido por uma grande empresa automobilística, a General Motors.[1] [2] Foi introduzido no mercado em 1996, estava disponível nos estados americanos do Arizona e na Califórnia apenas como uma locação de prazo fixo. A produção foi interrompida em 1999, e entre 2003 e 2004 todos os carros alugados foram removidos do mercado. A maioria foi destruida e alguns foram doados a museus e universidades.[2] A interrupção foi e continua a ser um tema muito controverso, questionado por grupos ambientalistas.

História[editar | editar código-fonte]

Comercialmente lançado no mercado norte americano em 1996, o carro eléctrico EV1 inicialmente esteve disponível somente na Califórnia e Arizona, sob a modalidade de locação financeira ou contrato de “leasing”, limitado a um prazo de três anos ou a um uso máximo de 30.000 milhas.[3] As restrições foram motivadas pelo fato do EV1 e seus motoristas ser parte de uma avaliação de engenharia em condições de uso real, criada pelo Grupo de Veículos de Tecnologia Avançada da GM, e que fazia parte também de uma análise de mercado e estudo da viabilidade de produção e marketing do veículo eléctrico de passeio para alguns mercados americanos.[4] [5] Ao início o EV1 foi produzido com baterias convencionais de chumbo e ácido sulfúrico que depois foram substituidas por baterias de Ni-MH.[2]

O EV1 foi introduzido primeiro em Los Angeles, Califórnia e Phoenix/Tucson, Arizona. Um ano depois foi lançado em São Francisco e Sacramento. Um modelo opcional 1999 estava equipado com baterias Ni-MH, e aparentemente nunca foi oferecido no Arizona, pois esse tipo de bateria não funcionava bem em clima muito quente. De acordo com o contrato de arrendamento, a GM estipulou que a manutenção e serviço periódico do EV1 somente seria efectuado nas concessionárias Saturn previamente escolhidas.

Who Killed the Electric Car?[editar | editar código-fonte]

O documentário Who Killed the Electric Car? (em português: Quem Matou o Carro Elétrico?) foi estreado em novembro de 2006 e retrata o desenvolvimento, a comercialização e a retirada do mercado de carros eléctricos, especialmente o EV1.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Sperling, Daniel and Deborah Gordon (2009) (em Inglês), Two billion cars: driving toward sustainability, Oxford University Press, New York, pp. 72-74, ISBN 978-0-19-537664-7  (Em inglês)
  2. a b c Sherry Boschert (2006) (em Inglês), Plug-in Hybrids: The Cars that will Recharge America, New Society Publishers, Gabriola Island, Canada, pp. 10-27 and 106-109, ISBN 978-0-86571-571-4  Veja Capítulo 2 (Em inglês)
  3. EV1 FAQ. Visitado em 04 de Novembro de 2009.
  4. 20 Truths About the GM EV1 Electric Car. Visitado em 04 de Novembro de 2009.
  5. At Witz' End: GM EV1 - The Real Story, Part III — Autoblog Green. Visitado em 04 de Novembro de 2009.
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre General Motors EV1
Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.