Genesis (Heroes)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Genesis"
1º episódio da 1ª temporada de Heroes
Informação geral
Escrito por Tim Kring
Direcção David Semel
Exibição original 25 de setembro de 2006
Convidados

Cristine Rose
Jack Coleman
Ashley Crow
Thomas Dekker
Shishir Kurup
James Kyson Lee
John Prosky
Deirdre Quinn
Brian Tarantina
Richard Roundtree

Cronologia
Último
Último
"Don't Look Back"
Próximo
Próximo
Lista de episódios de Heroes

"Genesis" (Gênese) é o episódio piloto da série Heroes. O episódio foi dirigido por David Semel e escrito por Tim Kring. Foi transmitido originalmente em 25 de setembro de 2006 pela NBC. O episódio concentra em vários personagens principais utilizando seus poderes pela primeira vez e tentando descobrir mais sobre eles. Alguns atores do elenco principal, como Greg Grunberg e Leonard Roberts, não aparecem neste episódio, sendo apresentados no decorrer da temporada.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em Madras, Índia, Mohinder Suresh está dando uma aula em uma universidade que fala sobre a possibilidade de alguns membros da espécie humana terem evoluído a ponto de utilizarem uma capacidade maior de seus cérebros, e assim poderem ter "poderes especiais". Ao terminar a aula, um amigo conta-lhe que seu pai, Chandra Suresh, que havia viajado para Nova York, foi assassinado em seu táxi. Mohinder se convence de que o motivo do assassinato seriam as teorias de evolução que seu pai havia formulado e reunido em seu apartamento em Madras, onde ele vai e descobre não estar só. Ele bate uma foto do material de seu pai e sai sem ser descoberto. Três dias depois Mohinder viaja a Nova York e vai ao apartamento de seu pai, no Brooklyn. Lá, encontra tudo bagunçado, mas ainda assim todos os trabalhos de Chandra e uma fita cassete no chão onde ouve-se o nome "Sylar".

Em outro ponto de Nova York, Simone Deveaux abre as portas de sua casa para Peter Petrelli, novo enfermeiro de seu pai, Charles, que encontrava-se muito doente. Peter se vê atraída por Sinome, que diz já estar com alguém. Peter recorre a seu irmão, Nathan, candidato ao Congresso, e conta-lhe que sente que pode voar, que naquela manhã, ao se levantar, sentiu seus pés pairarem no chão e que vem tendo sonhos onde está voando. Neste momento Nathan recebe uma chamada de sua mãe, detida por furtar uma loja. Quando vão encontrá-la, Nathan se mostra preocupado apenas em omitir o acontecimento, enquanto Peter se preocupa mais com a mãe.

Simone visita seu noivo, Isaac Mendez, um pintor viciado em heroína que está muito nervoso. Ele mostra-lhe alguns quadros de acidentes que não se recorda exatamente do momento em que pintara, dias antes, pois estava sobre efeito de drogas, e realmente aconteceram. Ela diz para ele procurar ajuda, contudo ele diz que a única coisa que pode fazer é suicidar-se.

Peter visita Nathan novamente e diz-lhe que a mãe deles havia sido solta. Nathan oferece a Peter o cargo de coordenador de sua campanha, de modo que os eleitores vejam-o como um tipo muito ligado ao conceito de família e consiga mais votos. Peter nega, pois apenas se aproveitará dele, e vai embora. Ao pedir um táxi, Mohinder, que agora exerce a profissão de taxista de seu pai que pára. No táxi, Peter recebe uma ligação de Simone e vai embora. Um outro homem pára o táxi e começa a falar com Mohinder sobre seu pai, Chandra. Então Mohinder reconhece a voz do homem, que havia ouvido no apartamento de Chandra, na Índia, pára o carro e sai correndo.

Peter vai à casa de Simone, que leva-o ao loft de Isaac. Ali, eles encontram uma pintura feita no chão que mostra Nova York explodindo. Isaac tem uma overdose e repete continuamente que eles têm que impedir a explosão. Simone chama a emergência e Peter vê um quadro onde Isaac que mostra ele voando. Mais tarde Peter sobe ao topo de um prédio e chama Nathan que, da calçada da rua, diz-lhe para não fazer loucuras. Peter se atira e Nathan voa e pega-o pela mão, os dois se chocam contra o chão, porém com menos impacto do que teria se Peter se atirasse diretamente.

Em Las Vegas, estado americano de Nevada, uma mulher chamada Niki Sanders faz um striptease incompleto em frente a uma webcam para ganhar dinheiro para pagar contas de casa e cuidar de seu filho Micah. Minutos depois, dois homens que trabalham para o mafioso Linderman a quem Niki deve dinheiro, batem a sua porta. Ela e Micah conseguem fugir pela porta dos fundos no exato momento em que o homem arromba a porta da frente da casa. Eles vão ao colégio de Micah conversar com o diretor, que diz a Niki que os os últimos cheques que Niki passou foram devolvidos e que Micah não poderá continuar na escola. Niki vai embora revoltada e, ao passar em um aquário, se dá conta que sua imagem refletida se move de forma distinta a ela. Ela leva seu filho a casa de sua amiga, Tina, para que cuide dele por algumas horas e volta para casa, onde se depara com os dois homens que ainda esperam-a. Os homens propõem que ela faça um striptease para eles filmarem em troca de ter sua dívida com Linderman quitada e ela nega. Um dos homens lhe acerta um soco. Quando Nikki acorda, ela encontra a casa destroçada e os dois homens mortos. Ao olhar em um espelho, seu reflexo lhe sorri e gesticula para que ela faça silêncio.

Em Odessa, Texas, um jovem chamado Zach filma sua amiga de escola Claire Bennet, que se atira de uma grande altura e em seguida se levanta normalmente apenas colocando de volta no lugar seu braço quebrado que instantaneamente se cura e apresentando-se à câmera enquanto as feridas em sua face se regeneram. De volta à casa, eles se deparam com um trem em chamas e Clair entra nele com o objetivo de mostrar que não pode se queimar. Dentro do trem Clair encontra um homem e salva-o surpreendendo os bombeiros por não ter se queimado e vai embora sem se apresentar. Já em casa, Clair está lavando pratos quando chega seu pai, Noah Bennet, o mesmo homem que estava perseguindo Mohinder.

Em Tókio, Japão, Hiro Nakamura está em seu trabalho nas Indústrias Yamagato, quando se concentra e consegue regressar um segundo no tempo. Entusiasmado, Hiro corre e conta a seu amigo Ando, que chama-o de louco. Após o expediente, os dois amigos vão a um bar. Hiro diz a Ando que se pode curvar o tempo, talvez possa também curvar o espaço e, assim, teletransportar-se. Ando desafia-o a se teletransportar para o banheiro feminino enquanto vai buscar mais bebida. Ao voltar, Ando se depara com Hiro sendo expulso por seguranças por ter adentrado o banheiro feminino. Mesmo assim, como estava de costas e não viu acontecer, Ando ainda não acredita no amigo. Já separados, Hiro está no metrô de Tókio quando vê um anúncio em um cartaz convidando a visitar Nova York. Hiro fecha os olhos e se concentra e o relógio do metrô, ao fundo na tela dispara. Em seguida Hiro consegue se teletransportar e, ao abrir os olhos, percebe que se encontra na Times Square, em Nova York.

Simbolismos e temas recorrentes[editar | editar código-fonte]

O episódio apresenta um eclipse solar, que se tornaria um elemento recorrente em toda a primeira temporada de Heroes. O eclipse faz parte do logotipo da série e também ocorre no capítulo final, "How to Stop an Exploding Man". No entanto, o eclipse do logotipo da série é de um eclipse onde a Terra sobrepõe o Sol, o que só poderia ser visto se o observador estivesse fora da Terra.

Quando o eclipse acontece no episódio, ele é assistido diretamente por Peter, Claire, Hiro e Niki, e indiretamente por Isaac, que o pinta previamente. Fica também explícito que ele pode ser visto simultaneamente em Nova York, Texas, Nevada, Califórnia e no Japão, algo impossível na realidade pois a penumbra pode ser vista, no máximo, por algumas centenas de milhas de distância. No entanto, o criador da série, Tim Kring, afirmou que isto faça parte do enredo.

Versão de longa duração em DVD[editar | editar código-fonte]

No lançamento do DVD norte-americano da primeira temporada de Heroes, foi incluída uma versão de longa duração (74 minutos) do episódio piloto. Esta versão trás muitas diferenças nos personagens e no enredo em geral comparado com o episódio piloto que foi ao ar.

  • Um sub-enredo envolvendo um engenheiro com poderes radiativos e laços com uma rede terrorista islâmica foi cortado. A rede terrorista era responsável pelo descarrilamento do trem em Odessa. O enredo para a rede tinha a ver com a aquisição de combustível nuclear para uma bomba que seria criada. Matt Parkman teria ligações com o engenheiro. Eles seriam amigos de infância que teriam morado juntos por um curto período. As características deste engenheiro, incluindo o fato dele induzir câncer em sua mulher, foram reutilizados no personagem Ted Sprague.
  • Matt Parkman encontra um dos membros da rede terrorista escondidos debaixo de uma escada. Futuramente ele encontra Molly Walker da mesma forma. Além disto, uma outra atriz desempenhou o papel de Janice, esposa de Matt.
  • Sylar é apresentado como Paul Sylar, em vez de um apelido para Gabriel Gray. É mostrado fazendo contato com Mohinder, até o fim do episódio.
  • Isaac Mendez algema a si próprio a fim de evitar aplicar em si próprio heroína. Em seguida ele corta sua mão com uma serra e tem uma overdose.
  • Micah rouba $300 de Tina e guarda para si, aparentemente para comprar uma passagem de ônibus para Moab, onde seu pai, D.L. Hawkins, estava preso.
  • D.L. tem sua primeira aparição na Penitenciária Federal de Moab. Sua capacidade de atravessar objetos sólidos se manifesta enquanto ele está dormindo e ele acorda em diferentes locais na prisão, fora de sua cela. Nesta versão do piloto, ele tem uma richa contra Nathan por ele ter sido o procurador responsável por sua prisão.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]