Geneta de Angola

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaGeneta de Angola
Genetta angolensis

Genetta angolensis
Estado de conservação
Status iucn2.3 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Reino: Animalia
Subreino: Bilateria
Infrarreino: Chordonia
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrata
Infrafilo: Gnathostomata
Superclasse: Tetrapoda
Classe: Mammalia
Subclasse: Theriiformes
Infraclasse: Holotheria
Superordem: Preptotheria
Ordem: Carnivora
Subordem: Feliformia
Família: Viverridae
Subfamília: Viverrinae
Género: Genetta
Espécie: G. angolensis
Nome binomial
Genetta angolensis Bocage
Bocage, 1882
Distribuição geográfica
Distribuição geográfica daGeneta de Angola
Distribuição geográfica da
Geneta de Angola
Commons
O Commons possui multimídias sobre Geneta de Angola

A Geneta de Angola (Genetta angolensis),1 é um mamífero carnívoro, autóctone de Angola

Descrição[editar | editar código-fonte]

O pelo da Geneta de Angola é cinzento ou cinzento avermelhado, com pequenas manchas no corpo e listas na cauda. Tem o focinho preto, com aureolas brancas à volta dos olhos e da boca. Esta espécie tem uma crista dorsal de tom escuro que vai da base do crânio até ao rabo e eriça-se como uma juba, quando o animal se sente ameaçado. Tem também cinco manchas alongadas ou listas de cada lado do pescoço. As garras são semi-retracteis. O corpo é longo e esbelto, com um conjunto de pernas curtas. Os olhos são grandes e redondos e as orelhas são grandes e de forma triangular.

Habitat[editar | editar código-fonte]

A Geneta de Angola, pode ser encontrada nas florestas e savanas húmidas de África, variando entre o sul do Zaire, centro e nordeste de Angola, oeste da Zâmbia, norte de Moçambique, e, provavelmente, sul da Tanzânia.

Referências[editar | editar código-fonte]

Notas e referências