George Arnott Walker Arnott

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

George Arnott Walker Arnott (Edimburgo, 6 de fevereiro de 1799Glasgow, 17 de abril de 1868) foi um botânico escocês.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Arnott obtém seu título de mestrado na Universidade de Edimburgo em 1818 e é admitido na faculdade de direiro em 1821. Estudou botânica e passou a conviver com Robert Wight (1796-1872), Robert Kaye Greville (1794-1866) e, mais tarde, com William Jackson Hooker (1785-1865).

Trabalhou em Paris a partir de 1821. Casou-se com Mary Hay Barclay em 1831, com a qual teve três filhos e cinco filhas. Tornou-se colaborador de Hooker no estudo dos espécimes colhidos na América do Norte, quando da sua viagem à bordo do "HMS Blossom" , comandado por Frederick William Beechey (1796-1856). A partir de 1839 passou a ser assistente de Hooker em Glasgow e assumiu, em 1845, a cátedra de botânica da universidade da cidade.

Colaborou com Wight na redação do "Illustrations of Indian Botany" e de "Prodomus floræ peninsulæ indiæ orientalis", e com Hooker na sexta edição de "British Flora" (1850), obras que descrevem a flora indiana.

Obras[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]