George Fisher

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
George Fisher
Em concerto com o Cannibal Corpse, 2010
Informação geral
Nome completo George Fisher
Também conhecido(a) como Corpsegrinder (dilacerador de cadáveres)
Nascimento 29 de Dezembro de 1967 (46 anos)
País Estados Unidos Estados Unidos
Gênero(s) Death metal
Instrumento(s) Vocal
Período em atividade 1986 - atualmente
Gravadora(s) Metal Blade Records
Afiliação(ões) Cannibal Corpse
Paths of Possession
Monstrosity

George Fisher (29 de Dezembro de 1967), também conhecido como "Corpsegrinder" (o nome da primeira banda em que ele tocou), é um vocalista estado-unidense de Death Metal.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

George Fisher vocalista da banda de death metal, Cannibal Corpse. Anteriormente da banda Monstrosity, ele se juntou ao Cannibal Corpse em 1996, primeiro aparecendo em seu CD Vile de 1996. Ele substituiu o companheiro de vocal gutural, Chris Barnes, que havia sido retirado da banda (e ficaria integralmente com o Six Feet Under). George Fisher é também o vocalista da Paths of Possession, uma banda de death metal melódico.

Ele é conhecido por seu estilo de headbanging em suas apresentações ao vivo, assim como por sua habilidade em emitir rapidamente as letras das músicas enquanto mantém ou seus ruídos guturais, ou os gritos que são sua marca registrada. O vocal gutural pode ser ouvido em várias canções do Cannibal Corpse, tais como em Worm Infested e os gritos na parte inicial do Blood Drenched Execution. Ele é também conhecido por seus prolongados gritos, como os ouvidos em Mutation Of The Cadaver, Devoured By Vermin e ao final de They Deserve To Die.

Corpsegrinder era o nome de sua primeira banda quando ele foi apresentado aos membros da banda Monstrosity, alguém esqueceu de seu último nome e o apresentou como "George, aquele rapaz do Corpsegrinder", que acabou virando o seu apelido. Fisher cita Chuck Schuldiner da banda Death como a sua maior influência musical.

Ele também empresta regularmente a sua voz, como convidado, no desenho animado Metalocalypse exibido no Adult Swim e é a inspiração para o personagem Nathan Explosion do mesmo programa.

Discografia[editar | editar código-fonte]

com o Monstrosity[editar | editar código-fonte]

com o Paths of Possession[editar | editar código-fonte]

  • (2005) Promises In Blood
  • (2007) The End Of The Hour

com o Cannibal Corpse[editar | editar código-fonte]

Outras participações em músicas como convidado[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. George "Corpsegrinder" Fisher - 2004. www.markprindle.com. Página visitada em 13/2/13.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]