George Westinghouse

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde dezembro de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
George Westinghouse, Jr.
Engenharia
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Nascimento 6 de Outubro de 1846
Morte 12 de Março de 1914 (67 anos)
Local Nova Iorque
Atividade
Campo(s) Engenharia
Prêmio(s) Medalha John Fritz (1906), Medalha Edison IEEE (1911), National Inventors Hall of Fame (1989)
Assinatura
George Westinghouse signature.svg

George Westinghouse, Jr. (6 de Outubro de 1846Nova Iorque, 12 de Março de 1914) foi um empresário e engenheiro estadunidense.

Entre muitas outras invenções, criou um freio a ar comprimido para locomotivas e foi um dos pioneiros da indústria da electricidade. O seu nome é especialmente conhecido devido à marca de acessórios e equipamentos eléctricos que ostenta o seu nome.

Anos iniciais[editar | editar código-fonte]

Filho do proprietário de uma oficina, com quem aprendeu a fabricar e reparar máquinas agrícolas. Após servir no exército da união durante a Guerra Civil Americana (1861 - 1865), e mais tarde como engenheiro da marinha dos Estados Unidos, regressou à casa para trabalhar com o pai [1] . Além de possuir talento para negócios, revelou-se um brilhante inventor. Com apenas 19 anos inventou um motor rotativo a vapor [2] . Aos 21, inventou um mecanismo para colocar vagões descarrilados de volta nos carris, e três anos depois produziu uma intersecção em aço fundido que permitia cruzar carris ferroviários. Após observar um acidente ferroviário provocado pela impossibilidade dos maquinistas travarem a tempo as locomotivas, passou a trabalhar na sua mais famosa invenção: o freio a ar comprimido para locomotivas, o qual aperfeiçoou entre 1870 e 1872. Posteriormente foi formada a Westinghouse Air Brake Company e, no espaço de vinte anos, este tipo de travão passou a ser obrigatório em todos os comboios (trens) nos Estados Unidos, sendo que os modernos travões ainda continuam a ser baseados no sistema idealizado por Westinghouse.

Desenvolveu sistemas de sinalização ferroviários e fundou a Union Switch and Signal Company, dedicada ao fabrico de peças para comutação de linhas. George Westinghouse dedicou grande parte da sua vida profissional ao desenvolvimento de meios de segurança para veículos ferroviários.

Indústria da electricidade[editar | editar código-fonte]

George Westinghouse interessou-se pelos avanços obtidos por Nikola Tesla na melhoria da eficiência dos dínamos da Companhia Continental Edison, em Paris. Fundou em 1886 a Westinghouse Electric & Manufacturing Company,[3] renomeada para Westinghouse Electric Company em 1889. Isto gerou uma enorme rivalidade com Thomas Edison, que defendia o uso de corrente contínua, em contraste com a corrente alternada de alta tensão, defendida por Westinghouse. Em 1893 a empresa de Westinghouse obteve uma significativa vitória, ao ganhar um contracto para a instalação da rede de fornecimento de energia elétrica para a Exposição Mundial em Chicago. O sistema de distribuição elétrica de Westinghouse ganhava cada vez mais aceitação, especialmente depois de ganhar o contrato para a construção de uma nova central elétrica de corrente alternada na fronteira entre os Estados Unidos e o Canadá, ligando as Cataratas do Niágara a Buffalo, por um preço mais baixo e numa distância impossível de ser alcançada através de corrente contínua.

Westinghouse manteve-se ativo e inventivo durante quase toda a sua vida. Após a introdução do automóvel, voltou aos seus inventos originais, produzindo amortecedores a ar comprimido, que melhoravam o desempenho dos veículos nas estradas de piso irregular daqueles tempos.

Manteve-se na liderança entre os maiores empresários americanos até 1907, quando problemas financeiros levaram à sua resignação do controle da empresa Westinghouse. Por volta de 1911, já retirado dos negócios, sua saúde começou a declinar. Faleceu em 12 de Março de 1912, em Nova Iorque, com 67 anos de idade. Veterano da Guerra Civil, foi sepultado no Cemitério Nacional de Arlington, junto a sua mulher Marguerite. Em 1918 a sua antiga casa foi demolida e o terreno cedido à cidade de Pittsburgh, que ali criou o Westinghouse Park.

Em 1930, um memorial a Westinghouse foi erguido pelos seus empregados no Schenley Park, em Pittsburgh. A Ponte George Westinghouse foi construída na vizinhança da sua fábrica em Turtle Creek.

Referências

  1. "Grandes Cientistas", Volume 3 - Lisboa: Círculo de Leitores, 2005, página 22
  2. George Westinghouse Museum
  3. Um martelo a vapor na fábrica da Westinghouse, em 1904 (1904-05). Visitado em 2013-07-28.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Frank Julian Sprague
Medalha Edison IEEE
1911
Sucedido por
William Stanley


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons