Gilgit-Baltistão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gilgit-Baltistão
Localização no Paquistão
Localização no Paquistão
País Paquistão
Capital Gilgit
Área
 - Total 72 496 km²
População (1998)
 - Total 910 000
    • Densidade 21/km2 
 - Estimativa (2008) 1 800 000

Gilgit-Baltistão (em urdu: گلگت - بلتستان, balti: གིལྒིཏ་བལྟིསྟན), anteriormente conhecido como Áreas do Norte (em inglês: Northern Areas) (em urdu: شمالی علاقہ جات, Shumālī Ilāqe Jāt),[1] é uma das duas entidades políticas da parte da Caxemira administrada pelo Paquistão. Limita com o Afeganistão a noroeste, a província chinesa de Xinjiang a nordeste, o estado indiano de Jammu e Caxemira a sudeste, a Caxemira Livre (a outra parte da Caxemira controlada pelo Paquistão) e a província paquistanesa da Fronteira Noroeste a oeste. Com uma área de 72 496 km², a região conta com uma população estimada em 1 800 000 habitantes.

Devido ao diferendo entre a Índia e o Paquistão referente à Caxemira, o governo indiano chama os Territórios do Norte e a Caxemira Livre de "Caxemira ocupada pelo Paquistão".

Ao contrário do que ocorre com a Caxemira Livre, as Áreas do Norte são administrados diretamente pelo governo federal do Paquistão.

Em 7 de setembro de 2009 passou a ter autonomia e a denominar-se Gilgit-Baltistão.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Cabinet approves Gilgit-Baltistan Empowerment and Self-Governance Order 2009», Associated Press of Pakistan, de 29 de agosto de 2009.
  2. [1]


Divisões do Paquistão Bandeira do Paquistão

Províncias: Baluchistão | Khyber Pakhtunkhwa | Punjab| Sind

Territórios: Território da Capital Islamabad | Território Federal das Áreas Tribais

Outras Áreas: Caxemira Livre | Gilgit-Baltistão

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Paquistão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.