Ginástica aeróbica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde Dezembro de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Pictograma da modalidade

A Ginástica aeróbica, em sentido amplo, é uma combinação de ginástica clássica com dança. É um treinamento dinâmico com movimentos rítmicos flanqueado com música motivadora. Elementos principais da ginástica aeróbica são coordenação motora e fitness.

Esta modalidade não pertence ao calendário olímpico, como as modalidades artística, de trampolim e rítmica. Porém, já possui campeonatos realizados pela FIG a nível internacional. Esta disciplina requer do ginasta um elevado nível de força, agilidade, flexibilidade e coordenação.

Definição[editar | editar código-fonte]

Ginástica aeróbica

Em sentido estrito, chama-se ginástica aeróbica as atividades físicas caracterizadas por movimentos rítmicos e intensos com elevado gasto calórico e de impacto sobre as articulações, movimentos estes causadores de esforço físico que pode ser suprido pela oxigenação normal da respiração, quase sempre acompanhados de música, e que produzem um aumento metabólico e uso de substratos benéficos ao organismo.

Ginástica aeróbica pode ser qualquer atividade física caracterizada pela prática de exercícios isotônicos, ou seja, esforços musculares em que existe a manutenção da tonicidade muscular, com modificação do comprimento e volume da mesma na medida do tempo. Geralmente são exercícios em que não há uma exaustão por acúmulo excessivo de ácido láctico, onde o consumo de oxigênio pelo músculo é proporcional, e que por conseguinte o ganho anabólico é menor quando comparado com os exercícios anaeróbios.

Na década de 1990, esta disciplina foi uma "febre da moda" nas academias, já que favorece a redução de percentual de gordura e produzem corpos esculpidos.

Características gerais[editar | editar código-fonte]

Exibição de ginástica aeróbica

Os exercícios aeróbicos usam grandes grupos musculares, rítmica e continuamente, elevando os batimentos cardíacos e a respiração durante algum tempo. O exercício aeróbico é longo em duração e moderada em intensidade. Dentre algumas das atividades aeróbicas mais comuns estão: andar, correr, pedalar e remar. Aeróbica por definição, significa com ar ou oxigênio. Além dos benefícios para a queima de substratos (gordura, glicose e em último caso proteína) os exercícios aeróbicos são muito benéficos também para melhorar a saúde de modo geral.

Características específicas[editar | editar código-fonte]

É uma ginástica composta por exercícios que estimulam a melhora do desempenho cardiovascular através da utilização do uso do oxigênio pelo corpo do indivíduo e permitindo que o coração trabalhe com mais força e com maior frequência. Como tem um ritmo constante e de longo período, que caracteriza atividades aeróbicas, é considerado um exercício aeróbico.

Movimentos[editar | editar código-fonte]

A ginástica aeróbica de competição caracteriza-se por ser uma atividade intensa, alegre, com movimentos e expressões corporais diversificados e bem marcados, com um acompanhamento rítmico e musical. Os atletas precisam demonstrar muito dinamismo, força, flexibilidade, coordenação e ritmo sincronizados com o acompanhamento musical. Seus eventos são divididos em cinco: individual feminino e masculino, pares mistos, trios e grupos de seis.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. History of Aerobic Gymnastics (em inglês) FIG site. Visitado em 16 de novembro de 2008.