Giovanni Paolo Pannini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde outubro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
O interior do Panteão, em Roma

Giovanni Paolo Pannini (Piacenza, 17 de junho de 1691Roma, 21 de outubro de 1765) foi um pintor e arquiteto italiano, mais conhecido pelas veduta, pinturas de vistas de locais ou cidades.

Quando jovem, Pannini foi aprendiz de cenógrafo em Piacenza. Em 1711, mudou-se para Roma, onde estudou desenho com Benedetto Luti e ficou famoso como decorador de palácios, incluindo Villa Patrizia (17181725) e o Palazzo De Carolis (1720). Como pintor, é mais conhecido por suas vistas de Roma, que demonstravam especial interesse pelas antiguidades da cidade. Seus trabalhos mais famosos são as imagens do interior do Panteão e suas veduta, galerias de pinturas de vistas da cidade de Roma.

Em 1719, foi admitido na Congregazione dei Virtuosi al Pantheon. Ensinou em Roma, na Academia de São Lucas, a guilda dos pintores, e na Académie de France onde influenciou Jean-Honoré Fragonard. Seu estilo influenciou ainda vários pintores como Canaletto e Bernardo Bellotto, que supriram o desejo dos visitantes por pinturas que descreviam os cartões-postais romanos.

Ícone de esboço Este artigo sobre pintura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Portal A Wikipédia possui o(s) portal(is):
Portal da Arte